• Agenda

    junho 2020
    S T Q Q S S D
    1234567
    891011121314
    15161718192021
    22232425262728
    2930  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

Aécio Neves: vídeo #VempraUrna a favor do voto

Aécio divulgou neste sábado o primeiro vídeo da campanha que intensificará, nas redes sociais, contra os votos nulos, brancos e abstenções.

Eleições 2014

Fonte: O Globo 

Aécio lança vídeo contra votos nulos, brancos e abstenções

Tucano diz em gravação que ninguém aguenta mais esperar pelas melhorias que jamais se concretizaram

campanha do candidato do PSDB a presidente, Aécio Neves, divulgou neste sábado o primeiro vídeo da campanha que intensificará, nas redes sociais, contra os votos nulosbrancos e abstenções. O lançamento da campanha foi feito pelo próprio candidato, mas ele não pede voto para ele. Sem mencionar os protestos de julho passado, o tucano diz que tem muita gente no Brasil que está cansado da política e tem muitos motivos para isso, mas não ir votar significa contribuir para deixar tudo como está.

Sem mencionar a presidente Dilma Rousseff, que anunciou três pacotes para responder aos protestos do ano passado, Aécio diz no vídeo que ninguém aguenta mais, por exemplo, esperar pelas melhorias que jamais chegam, mas resolver não votar não é a solução e aí é que nada vai mudar mesmo.

campanha da candidatura de Aécio pretende reforçar propagandas do Tribunal Superior Eleitoral com o mote “Vem pra urna”. Com cerca de 30% dos 145 milhões de eleitores ainda sem candidato atualmente, a campanha do PSDB pretende impedir que a presidente Dilma Rousseff se eleja no primeiro turno e se repitam situações como a de 2010, em que a petista foi eleita com apenas 55.7 milhões dos 135 milhões de eleitores aptos a votar , ou de 2006, quando Fernando Gabeira perdeu para os votos brancosnulos e abstenções na eleição para governador do Rio de Janeiro.

“O importante é que você vote, que sua voz seja ouvida qualquer que seja ela. O que importa é você ir para as urnas para fazer a diferença. Porque política é igual televisão sem controle remoto. Se você não se levantar para mudar, vai continuar assistindo aquilo que não quer mais”, diz Aécio ao final do vídeo já exibido em sua página no Facebook e que já tinha, agora a tarde, 1.728 compartilhamentos.

As peças publicitárias serão veiculadas no twitter Facebook, blogs de aliados e militantes da candidatura de Aécio. São vídeos com jingles em ritmo de rock, samba, forró e xote. O material gráfico, cartoons, descansos de tela, template, panfletos vão ser entregues a candidatos em todo País para distribuição em caminhadas, carreatas e comícios.

— Vamos chamar os indecisos para irem às urnas, não para votar em mim, mas para praticar o voto consciente — disse Aécio ao GLOBO.

Na campanha do TSE, lançada pelo ex-presidente Marco Aurélio Mello, uma das estrelas é o cantor baiano Carlinhos Brown, que diz: “ê ê ê eu sou brasileiro e mando um beijo pra você! Vem pra una!” Uma das músicas da campanha tucana diz: vem pra urna pra fazer a diferença, que mudança não acontece com indiferença”.

Enquanto Aécio se preocupa em reduzir o número de abstenções, integrantes da campanha petista, ao contrário, avaliam que Dilma se beneficiaria com o alto número de votos nulos, brancos e ausências. Uma montagem que vem sendo veiculada nas redes sociais contra o voto nulo e branco traz no título: “você sabia que em 2010 a maioria dos brasileiros não votou em Dilma?”.

A peça traz os números da eleição em que 135 milhões de eleitores estavam inscritos, mas Dilma teve 55.7 milhões, José Serra (PSDB) teve 43.7 milhões, nulos 4.6 milhões, brancos 2.4 milhões e 29.1 milhões de abstenções. “ 80.050 milhões não votaram em Dilma, entendeu a importância de votar?” diz a peça.

— Quanto mais gente votar, pior para Dilma. O Governo não tem interesse em que diminua o percentual de brancos e nulos. Em 2010 ela foi eleita pelos votos brancos, nulos e abstenções. Quem não vota está contribuindo para deixar tudo como está — explica um dos coordenadores da campanha.

Aécio Neves vai anunciar adesão ao movimento #VempraUrna

Aécio Neves vai anunciar na semana que vem sua adesão ao movimento #VempraUrna, uma campanha oficial do TSE.

Eleições 2014

Fonte: O Estado de S.Paulo

Aécio vai lançar campanha contra votos nulos e abstenções

Ideia do candidato do PSDB é forçar segundo turno nas eleições de outubro impedindo reeleição de Dilma Rousseff no primeiro pleito

candidato do PSDB à Presidência da RepúblicaAécio Neves (PSDB), vai anunciar na semana que vem sua adesão ao movimento #VempraUrna, uma campanha oficial do Tribunal Superior Eleitoral. O comando da candidatura do tucano avalia que as altas taxas de intenções de votos nulos e brancos nas pesquisas e as abstenções podem favorecer a reeleição da presidente Dilma Rousseff no primeiro turno.

Em um vídeo que será veiculado nas redes sociais de Aécio, o candidato vai comunicar seu apoio à campanha do TSE. Ao mesmo tempo, o PSDB passará a divulgar gravações produzidas pela equipe de marketing da candidatura tucana que fazem alusão à campanha oficial do tribunal. A peça partidária, porém, inclui sutilmente a ideia de “mudança”, jamais contemplada na publicidade oficial da Justiça Eleitoral.

Em um dos vídeos, o jingle diz: “Vem pra urna pra fazer a diferença, que mudança não acontece com indiferença” e “vem, Brasil, que esse país é cheio de beleza, que a gente não merece ter tristeza”.

O objetivo é tentar convencer o eleitor que está descrente da política. Conforme a mais recente pesquisa Ibope sobre a corrida presidencial, 25% dos eleitores não têm candidato ou pretendem votar nulo ou em branco. Em julho de 2010, também a pouco mais de três meses das eleições, essa taxa era bem menor, de 19%, de acordo com levantamento do mesmo instituto.

Desconhecimento. Tucanos atribuem o fato ao desinteresse por eleição especialmente dos jovens entre 16 e 24 anos e à chamada taxa de desconhecimento dos presidenciáveis de oposição. Se houver uma redução das taxas de abstenção e de votos nulos e brancos, a campanha do PSDB acredita que Aécio e outros oposicionistas serão os beneficiados, reforçando a possibilidade de segundo turno na disputa presidencial.

No cenário de um 2.º turno entre Dilma e o tucano da mais recente pesquisa do Ibope, Aécio aparece com 33% das intenções de voto. A presidente tem 41%. No cenário do 1.º turno, Dilma tem 38% contra 22% do tucano.

No material produzido pela equipe do presidenciável do PSDB não haverá nenhuma referência a candidatos ou a partidos políticos, dando um caráter suprapartidário.

Aécio não vai aparecer nos materiais de divulgação e sua participação ficará restrita ao vídeo em que vai dizer publicamente que apoia a ação.

Estão sendo produzidos videoclipes em ritmo de rock, samba, forró e xote. Além de jingle, cartoon, descanso de tela, template, panfletos e outros materiais gráficos, que serão distribuídos por militantes tucanos, entre blogueiros, nas redes do partido e para quem mais quiser ajudar a divulgar a ideia.

A abstenção é outro fator determinante para que o candidato concentre o esforço de seus marqueteiros nesta ação eleitoral. Em 1998, o índice foi de 21,5%. No pleito de 2002, foi de 17,7%. Em 2006 o número atingiu 16,7%. E em 2010 a taxa de faltosos voltou a crescer, atingindo 18,1%.

Rede social. Os vídeos não deverão ser veiculados no programa eleitoral gratuito de Aécio no rádio e na TV. A aposta é na divulgação por meio da página do Facebook da campanha. A página do candidato na rede social acaba de atingir 1 milhão de seguidores. O número foi comemorado pelo marketing do PSDB, mas internamente admite-se que a plataforma ainda está longe de obter protagonismo na campanha, pois o Brasil possui 142,8 milhões de eleitores, segundo o TSE.