• Agenda

    janeiro 2020
    S T Q Q S S D
    « out    
     12345
    6789101112
    13141516171819
    20212223242526
    2728293031  
  • Categorias

  • Mais Acessados

  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Governo Aécio Neves vai estimular criação de Unidade Básica de Apoio à Pesquisa para desenvolver etanol de segunda geração

O secretário Alberto Portugal do Governo Aécio Neves durante assinatura do protocoloComo maior produtor de açúcar e álcool de Minas Gerais, a região do Triângulo Mineiro vai abrigar uma Unidade Básica de Apoio à Pesquisa (Ubap), voltada inclusive para o desenvolvimento do etanol de segunda geração. Os investimentos previstos chegam a R$ 1 milhão para instalação do empreendimento no município de Ituiutaba, no Pontal do Triângulo. A assinatura do protocolo de intenções entre o Governo Aécio Neves, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes), prefeitura municipal, entidades parceiras e instituições de ensino e pesquisa, ganhou destaque na segunda-feira (14), dentro das festividades da semana do aniversário de Ituiutaba.

Dos investimentos previstos para a construção da Ubap, R$ 800 mil virão de emenda parlamentar federal, apresentada pelo deputado Narcio Rodrigues. A contrapartida do governo mineiro é de R$ 200 mil, dentro da lógica de investir na produção de conhecimento em todo o Estado, visando à competitividade no mundo globalizado. Rodrigues destacou a iniciativa do governo Aécio Neves de descentralizar o desenvolvimento científico, tecnológico e econômico de Minas Gerais, dando oportunidade a todas as regiões.

A Unidade Básica de Apoio à Pesquisa vai trabalhar sob a coordenação da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), supervisão da Sectes e apoio logístico do município. Também poderá haver contribuição da Universidade do Estado de Minas Gerais (UEMG) e Instituto Federal de Ciência e Tecnologia (Ifet), com o apoio do Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool (Siamig), empresa Dow Chemical Brasil — que vai investir R$ 1 bilhão em Santa Vitória – Pontal do Triângulo, Instituto de Desenvolvimento Integrado (Indi) e Instituto Euvaldo Loddi (IEL/Fiemg).

O secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Alberto Portugal, evidenciou o potencial do Triângulo como importante polo produtor de açúcar e álcool do Brasil. Ele destacou que há instituições e profissionais devidamente capacitados na região para desenvolver os projetos propostos para a Ubap. Os objetivos dessa unidade são: avançar nas pesquisas para o desenvolvimento do etanol de segunda geração, visando ao aumento da produção de álcool combustível sem acréscimo de novas áreas de plantio; elevar os índices globais de eficiência energética da cadeia produtiva do etanol focados na parte industrial do processo; promover novos usos para os co-produtos do etanol e trabalhar pelo desenvolvimento da indústria alcoquímica.

Portugal fez um retrospecto do trabalho do Governo de Minas em favor da inovação, destacando os investimentos na pesquisa, por meio dos recursos repassados à Fapemig, e o estímulo ao empresariado para que inove seus produtos e processos voltados à agregação de valor. O prefeito Públio Chaves ressaltou a importância de se investir em educação, ciência e tecnologia para se chegar à competitividade com os demais países. Ele reconheceu como muito significativa a decisão do governo mineiro em instalar a Ubap em Ituiutaba, cidade-polo da região.