• Agenda

    agosto 2019
    S T Q Q S S D
    « out    
     1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    262728293031  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

  • Anúncios

Governo de Minas: lado a lado com o cidadão, Secretaria do Trabalho promove ação comunitária em BH

Projeto “Celebra Vitória”, no bairro Vitória, oferece diversos serviços aos trabalhadores

A Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (SETE) participa, neste sábado (21), do projeto Celebra Vitória. O evento, realizado pela Rede Mineira da Cidadania, em parceria com a SETE e a comunidade, leva até a população do bairro Vitória, em Belo Horizonte, um “dia de alegria”, como é chamado pelos próprios moradores.

Na oportunidade, uma equipe da SETE vai emitir Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CTPS) e cadastrar trabalhadores para candidatarem-se a vagas de emprego. Interessados em tirar a CTPS deverão levar documento de identidade com foto, certidão de nascimento ou casamento e foto 3×4. Cabe ressaltar que Carteira Nacional de Habilitação e o Passaporte não servem para emissão de CTPS. O documento é gratuito e será entregue na hora. Já os interessados em se inscreverem para as vagas de emprego deverão estar munidos de documento de identidade com foto, CPF e PIS.

O Sine Móvel é uma iniciativa do Governo de Minas, por meio da SETE, que visa prestar atendimento aos trabalhadores dos municípios que não possuem unidades do Sine, ou em casos emergenciais, como em situações de desastres naturais, por exemplo.

Sine

O Sistema Nacional de Emprego é um programa do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), criado em 1975, com atuação em todo o território nacional, e implantado em Minas Gerais desde 1977.

Atualmente existem 131 Unidades de Atendimento ao Trabalhador em Minas Gerais, que prestam serviços totalmente gratuitos de intermediação de mão de obra (cadastro de empresas para oferta de vagas e cadastro e encaminhamento de trabalhadores para oportunidades de trabalho); habilitação e postagem do seguro-desemprego; cadastro e encaminhamento do trabalhador para programas de qualificação profissional e também de competências básicas para o trabalho; emissão das Carteiras de Trabalho e Previdência Social.

Serviço

Evento: Celebra Vitória, com a unidade do Sine Móvel para serviços ao trabalhador

Local: Rua Magenta, 770 , bairro Vitória, Belo Horizonte.

Data: Sábado, 21 de abril de 2012.

Horário: das 14h às 18h.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/lado-a-lado-com-o-cidadao-secretaria-do-trabalho-promove-acao-comunitaria-em-bh/

Anúncios

Gestão em Minas: secretário Carlos Pimenta debate emprego e crescimento econômico na Assembleia

Evento reuniu empresários e trabalhadores, além de deputados e autoridades

Willian Dias / ALMG
Carlos Pimenta participou do Ciclo de Debates em Defesa da Produção e do Emprego, na ALMG
Carlos Pimenta participou do Ciclo de Debates em Defesa da Produção e do Emprego, na ALMG

O secretário de Estado de Trabalho e Emprego (SETE), Carlos Pimenta, participou do Ciclo de Debates em Defesa da Produção e do Emprego – Contra a Desindustrialização, promovido pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). O evento reuniu empresários e trabalhadores e suas representações, além de deputados e outras autoridades e lideranças.

Durante o debate, o secretário Carlos Pimenta reforçou “o momento importante de crescimento brasileiro”, mas não se esqueceu de apontar os entraves para a consolidação deste quadro. “Não adianta nada o país crescer e tornar-se o quinto do mundo, se não se tiver a coragem de colocar o dedo em várias feridas”, afirmou.

Na opinião do secretário, as principais mazelas seriam, para as empresas, a invasão de produtos de outros países, sem medidas protecionistas para os empresários nacionais; e, para os trabalhadores, a baixa qualificação, “que dificulta a obtenção de melhores ganhos”.

O presidente da Assembleia, deputado Dinis Pinheiro, citou o pacote de medidas lançado pelo governo federal, no dia 3 de abril. “Temos que avaliar os efeitos destas medidas que visam a estimular investimentos públicos e privados, aumentar a competitividade da indústria e reduzir os custos tributários e financeiros”, declarou. “É na defesa da produção e do emprego, que alcançaremos o mais rápido possível a justiça, a dignidade para que o Brasil fique cada dia melhor”, concluiu.

Presente ao debate, o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), Olavo Machado Junior, defendeu a isonomia de mercado. “Temos certeza que, com redução dos juros, desoneração de impostos e da folha de pagamento e um câmbio adequado, a indústria estará apta para concorrer”, ressaltou.

Também participaram do evento, entre outras lideranças, o secretário regional da terceira Secretaria da Região Sudeste da Confederação Nacional dos Trabalhadores (CNT), José Reinaldo Inácio; o deputado estadual Celinho do Sinttrocel e a deputada federal Jô Moraes.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/secretario-carlos-pimenta-debate-emprego-e-crescimento-economico-na-assembleia/

Gestão Anastasia: Minas tem saldo positivo de 22.674 postos de trabalho em março

Dados do Ministério do Trabalho e Emprego atestam alta no número de contratações

Divulgação
Em março, indústria de transformação em Minas gerou 38.509 novos postos de trabalho
Em março, indústria de transformação em Minas gerou 38.509 novos postos de trabalho

Segundo lugar no ranking nacional: essa é colocação de Minas Gerais em relação aos números de admitidos e desligados relativos ao mês de março, divulgada, pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), por meio do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Segundo os dados federais, o Estado admitiu 220 mil trabalhadores, enquanto o número de desligamentos foi de 197.326, o que apresenta um saldo positivo de 22.674 vagas criadas e preenchidas durante o mês, ou 11,7% de todas as contratações registradas no Brasil (1.881.127) durante o período.

O setor de serviços foi o principal destaque, responsável por 75.064 admissões em todo o Estado, seguido pelo setor de comércio, que contratou 48.143 trabalhadores; indústria da transformação (38.509); e construção civil (38.171).

De acordo com o coordenador do Observatório do Trabalho da Secretaria de Estado de Trabalho (SETE), Igor Coura, o setor de serviços cresceu bastante e se destacou por contratar o maior número de funcionários como primeiro emprego. “É importante agora que esse setor se ajuste para qualificar bem os funcionários que estão em seu primeiro emprego, porque será um dos que mais receberão os impactos da Copa do Mundo nos próximos anos”, afirma. Ainda segundo os dados do Caged, cerca de 28 mil trabalhadores foram contratados durante o mês de março como primeiro emprego.

Em relação às regiões que foram responsáveis pelo saldo positivo, a que mais contratou em março foi a Central, com 106.078, seguida do Triângulo Mineiro (24.216) e Sul de Minas (23.452). Em comparação com o mês de março do ano passado, a Zona da Mata foi quem teve o melhor desempenho, com 29,1%, e o Vale do Rio Doce, com 26,30%.

No país

O Brasil gerou no mês de março 111.746 empregos formais, segundo dados do Caged. O saldo foi resultado de 1,88 milhão de admissões e 1,76 milhão de demissões. Na comparação com o mês de fevereiro, houve uma redução no saldo de empregos de 25,8%. Na comparação com março de 2011, houve uma elevação de 20,5%.

No recorte geográfico, quase todas as grandes regiões expandiram o nível de emprego. A exceção ficou por conta do Nordeste que, por motivos sazonais ligados às atividades sucroalcooleiras, apresentou queda de 32.830 postos. Por outro lado, verificou-se o seguinte comportamento: Sudeste (+86.083 postos), Sul (+41.477 postos), Centro-Oeste (+16.764 postos) e Norte (+252 postos).

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/minas-tem-saldo-positivo-de-22674-postos-de-trabalho-em-marco/

Gestão da Educação: inscrições para os Exames Supletivos do primeiro semestre de 2012 começam nesta quarta-feira

Inscrições dos candidatos que buscam certificação devem ser feitas pela internet até 13 de maio

Começam nesta quarta-feira (18), as inscrições para os Exames Supletivos do primeiro semestre de 2012. Os jovens e adultos interessados em fazer as provas e conseguir os certificados de conclusão do ensino fundamental ou médio, devem fazer a inscrição pela internet, no site www.educacao.mg.gov.br/supletivo, até o dia 13 de maio. Para se inscrever, os candidatos devem ter idade mínima de 15 anos para o ensino fundamental e 18 anos para o ensino médio, completos ou a completar até o dia 15 de julho, data de término da realização das provas.

Candidatos que não têm acesso à internet poderão se inscrever nas Superintendências Regionais de Ensino (SREs) entre os dias 18 de abril a 11 de maio.  O valor da taxa é de R$ 6,00, por área de conhecimento. A taxa de inscrição deverá ser paga com boleto bancário, emitido no ato da inscrição, nos guichês dos bancos conveniados. Para se inscrever é necessário o documento de identificação e CPF.

As inscrições dos candidatos presos ou em cumprimento de medida socioeducativa em regime de internato serão efetuadas pelas próprias unidades prisionais, centros e associações, no período de 18/04/2012 a 08/05/2012.

“É importante que os candidatos não deixem para fazer a inscrição na última hora e que lembrem que a inscrição só será efetivada quando a taxa de inscrição for paga”, destaca a diretora de Educação de Jovens e Adultos da Secretaria de Estado de Educação, Edir Petruceli Carayon Xavier.

O candidato inscrito deverá emitir seu comprovante definitivo, contendo o local da prova, data e horário, a partir do dia 04 de junho. As provas serão realizadas nos dias 14 e 15 de julho nos períodos da manhã e da tarde. O edital e os programas de estudo também estão disponíveis no site do supletivo (http://www.supletivomg.caedufjf.net/supletivo/docs/Edital2012_1.pdf).

Isenção da taxa de inscrição

Uma parceria entre a Secretaria de Estado da Educação (SEE) e a Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (SETE) vai beneficiar quem pretende retomar os estudos, mas está desempregado e, portanto, não tem condições de pagar pela inscrição. O candidato desempregado poderá se inscrever, com isenção da taxa, em no máximo duas áreas de conhecimento, até o dia 8 de maio. Nesse caso, a inscrição deve ser feita nos Postos do Sine, (relacionados no anexo III do edital) no período de 18/04 a 08/05. O candidato desempregado que após ter realizado sua inscrição no Sine desejar inscrever-se em mais áreas do conhecimento poderá realizar a inscrição dessas áreas, via internet, efetuando o pagamento da taxa.

Disciplinas avaliadas

Os Exames Supletivos do Ensino Fundamental e Médio serão oferecidos por área de conhecimento. Os candidatos do Ensino Fundamental farão provas de Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna (Inglês), Artes, Educação Física e Redação, Matemática, História e Geografia e Ciências Naturais. Já para o Ensino Médio as provas serão de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Redação (Língua Portuguesa, Língua Estrangeira Moderna, Arte e Educação Física), Matemática e suas Tecnologias (Matemática), Ciências Humanas e suas Tecnologias (História, Geografia, Filosofia e Sociologia) e Ciências da Natureza e suas Tecnologias (Química, Física e Biologia).

O programa de estudos para cada disciplina também está disponível na página do supletivo (http://www.supletivomg.caedufjf.net/supletivo/inicio.faces).

Os gabaritos oficiais serão divulgados no dia seguinte à realização do exame pelo site do supletivo.  Serão considerados aprovados os candidatos que obtiverem um mínimo de 50% dos pontos em cada área de conhecimento. O resultado oficial dos Exames Supletivos será divulgado a partir do dia 24 de agosto, nos sites pelos sítios eletrônicos www.educacao.mg.gov.br/supletivo e www.supletivomg.caedufjf.net.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/inscricoes-para-os-exames-supletivos-do-primeiro-semestre-de-2012-comecam-nesta-quarta-feira/

Governo de Minas: secretaria de Trabalho traça metas para o cumprimento da Carta de Missões

Documento foi entregue pelo governador Anastasia ao secretário Carlos Pimenta

Wellington Pedro/Imprensa MG
Carta de Missão foi entregue pelo governador Anastasia a cada secretário de Estado
Carta de Missão foi entregue pelo governador Anastasia a cada secretário de Estado

O secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Carlos Pimenta, assinou o Acordo de Resultados, junto ao governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, em solenidade no Palácio Tiradentes. Tal acordo, que garante o prêmio de produtividade pago, anualmente, a todos os servidores do Estado, funciona de forma a controlar e avaliar o cumprimento das metas traçadas.

Esse ano, além das metas estratégicas traçadas, o Acordo de Resultados se adapta à terceira geração do Choque de Gestão, a Gestão para a Cidadania, envolvendo o Estado em Rede. Além disso, para 2012, foi criada a Carta de Missão, documento entregue a cada secretário de Estado, estipulando as metas de cada pasta, que serão acompanhadas diretamente pelo governador.

“Temos como novidade a Carta de Missão, na qual colocamos também algumas entregas que são relevantes pela natureza mais operacional e mais voltada ao atendimento básico do cidadão. É bom lembrar que a filosofia do trabalho teve por amparo a terceira onda do Choque de Gestão, no sentido de apresentarmos, ao mesmo tempo, entregas concretas e, concomitantemente, temos condições de perceber hoje uma participação mais efetiva da sociedade na execução das políticas públicas”, afirmou o governador Antonio Anastasia, em solenidade no Palácio Tiradentes, no último dia 11.

A Carta de Missão entregue pelo governador ao secretário Carlos Pimenta contém alguns tópicos a serem cumpridos: objetivos estratégicos, desafio, e as missões da secretaria. Os três objetivos estratégicos definidos como primordiais para serem cumpridos pela SETE são: expandir o emprego e a renda; aumentar a qualidade e a produtividade do trabalho; e alcançar maior crescimento econômico do trabalho e da renda. Já o desafio lançado pelo governador à SETE foi o de aumentar a empregabilidade e as possibilidades de realização profissional.

“Durante o primeiro ano da SETE conseguimos nos consolidar como secretaria, idealizar e realizar várias ações e obter muitas conquistas. Uma delas foi a admissão de 84.533 trabalhadores no mercado de trabalho. Para 2012, nossa meta é ainda mais ambiciosa. Trabalharemos em equipe para alcançarmos os objetivos e vencer o desafio definido e pactuado com nosso governador Anastasia”, afirma o secretário Carlos Pimenta.

Metas

A Carta de Missão traz sete itens de suma importância traçados pelo Governo de Minas: o aumento da renda mediana do trabalho para R$889,00; o aumento da participação de Minas nas ocupações criadas e formalizadas no Brasil para 12%; 21.566 trabalhadores qualificados no Estado; a Resolução para a formalizar os critérios de gestão técnico-administrativa das unidades de atendimento do trabalhador Sine em Minas, desenvolvidas até 30 de setembro deste ano; 3.200 trabalhadores qualificados no Travessia Renda; 1.600 trabalhadores em turmas de elevação de escolaridade no Travessia Renda; e 30 postos de atendimento ao trabalhador e ao empregador com terminais de autoatendimento implantados.

Para o secretário Carlos Pimenta, a SETE está ultrapassando todas as barreiras. “Esse ano temos metas audaciosas e com muito trabalho e dedicação iremos alcançá-las. A secretaria está preparada para atingir a meta maior do Governo que é a de tornar Minas o melhor Estado para se viver”, destacou.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/secretaria-de-trabalho-traca-metas-para-o-cumprimento-da-carta-de-missoes/

Gestão Anastasia: governo de Minas firma convênios para impulsionar mercado de trabalho

Secretário Carlos Pimenta renova parcerias para funcionamento do Sine na capital e interior

Divulgação/Sete
Secretário Carlos Pimenta e prefeito de Pará de Minas, Zezé Porfírio, assinam termo de cooperação
Secretário Carlos Pimenta e prefeito de Pará de Minas, Zezé Porfírio, assinam termo de cooperação

O secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Carlos Pimenta, recebeu nesta quarta-feira (11) os prefeitos de Ibirité, Matozinhos, Pará de Minas, Pompeu e Sabará para renovação dos Convênios de Cooperação Técnica com estes municípios. O termo prevê a manutenção e o funcionamento das unidades do Sistema Nacional de Emprego (Sine) para o período de 2012 a 2013. Na oportunidade, o prefeito de Piumhi também assinou convênio com a Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete) para instalação de uma unidade na cidade.

Para o secretário Carlos Pimenta, as parcerias entre o Governo de Minas e as prefeituras são de suma importância para o funcionamento das 133 unidades do Sine no Estado. “Além dos espaços físicos das unidades, 95% dos nossos funcionários são cedidos pelas prefeituras. A colaboração e apoio dos municípios é que nos ajudam a alcançar grandes resultados na geração de emprego e renda no Estado e inserir tantos mineiros no mercado de trabalho”, afirma.

Nesta quinta-feira (12) outros convênios serão renovados para duas unidades do Sine na capital: com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e também com a Câmara Municipal de Belo Horizonte. Ainda em 2012, a Sete vai firmar parcerias com outras 13 prefeituras mineiras para instalação de unidades de atendimento ao trabalhador do Sine.

Desenvolvimento regional

Na terça-feira (10), o secretário Carlos Pimenta cumpriu agenda oficial em Espinosa, município localizado no extremo Norte de Minas. Durante a visita, o secretário falou com lideranças regionais, como o prefeito de Espinosa, João Miranda, das cidades de Capitão Éneas, Reinaldo Teixeira, e de Lontra, Ildeu Reis, sobre a importância da qualificação profissional para o desenvolvimento regional.

“Emprego, salário e dignidade são itens de grande importância para o cidadão e nós, da Sete, juntamente a outras pastas do Governo de Minas, temos o compromisso de propiciar isso ao trabalhador mineiro. Mas, para essa conquista é imprescindível que haja qualificação profissional, e é por isso que estamos aqui, pois apostamos no crescimento, desenvolvimento e na geração de oportunidades e empregos no Norte de Minas”, afirmou o secretário Carlos Pimenta.

Para o prefeito de Espinosa, João Miranda, a visita de representantes da Sete é muito importante para o município. “É a primeira vez que um secretário de Estado vem até a prefeitura escutar os anseios da nossa cidade. É muito importante estarmos todos aqui reunidos para discutirmos o desenvolvimento da região por meio da geração de emprego e qualificação”, comemorou o prefeito.

Segundo Carlos Pimenta, diversas ações serão realizadas para estimular o desenvolvimento local. “O mercado de trabalho é dinâmico e para que os trabalhadores não saiam dos seus locais de origem para a busca de uma oportunidade, é necessário qualificá-los para que atendam as demandas dos empregadores. Vamos atender o município de Espinosa com o Projovem Trabalhador, que irá beneficiar 240 jovens com oito cursos. Outra iniciativa de destaque é a implantação do Núcleo de Inclusão Produtiva, que vai abranger também os municípios de Monte Azul e Mato Verde, elaborando planos de sustentabilidade e orientando quanto à implantação e à gestão de empreendimentos individuais, familiares e coletivos dos cidadãos”, garante o secretário.

Na oportunidade, a comitiva visitou duas das 73 fábricas de confecção do município, onde tiveram a oportunidade de conhecer o setor que mais gera empregos e auxilia no desenvolvimento econômico de Espinosa, fornecendo vestuário a 22 estados brasileiros. Participaram da reunião, além do secretário Carlos Pimenta e dos prefeitos, os secretários municipais de Espinosa; o diretor regional da Sete no Norte de Minas, Eliomar Reis; o coordenador do Sine de Espinosa, Gilberto Brases, e representantes comerciais de diversos setores.

Espinosa

Durante o ano de 2011, 868 trabalhadores foram admitidos em Espinosa. Desse total, 286 foram admitidos pela unidade do Sine. Já em janeiro e fevereiro de 2012, o município colocou 111 cidadãos no mercado de trabalho. Para 2012, já estão previstos dois cursos de qualificação profissional, de Pedreiro e de Eletricista, por meio do Usina do Trabalho/Travessia.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-firma-convenios-para-impulsionar-mercado-de-trabalho/

Gestão Anastasia: Sine Móvel emite carteiras de trabalho na região Norte de Minas

Moradores de Riacho dos Machados, Catuti e Nanuque serão beneficiados

Divulgação/SETE
Sine Móvel estará em Riacho dos Machados, Catuti e Nanuque para emissão da carteira de trabalho
Sine Móvel estará em Riacho dos Machados, Catuti e Nanuque para emissão da carteira de trabalho

Três municípios do Norte de Minas recebem, até o próximo dia 17, uma unidade móvel de atendimento ao trabalhador do Sistema Nacional de Emprego (Sine Móvel), que vai emitir Carteiras de Trabalho e Previdência Social (CTPS) para os moradores da região.

Nesta terça (10) e quarta-feira (11), o Sine móvel estará em Riacho dos Machados. Já nos dias 13 e 14, o atendimento será na cidade de Catuti. Por fim, o Sine Móvel estará em Nanuque, nos dias 16 e 17. Os cidadãos interessados deverão levar um documento de identidade com foto, além de duas fotos 3X4. O documento é gratuito e será entregue na hora.

O Sine Móvel é uma iniciativa do Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (SETE), que tem como objetivo prestar atendimento aos trabalhadores dos municípios que não possuem unidades do Sine ou em casos emergenciais.

Sine

O Sistema Nacional de Emprego é um programa do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), criado em 1975, com atuação em todo o território nacional, e implantado em Minas Gerais desde 1977.

Atualmente existem 133 Unidades de Atendimento ao Trabalhador, credenciadas pelo Ministério do Trabalho e Emprego em todo o estado de Minas Gerais, que prestam serviços totalmente gratuitos de intermediação de mão de obra (cadastro de empresas para oferta de vagas e cadastro e encaminhamento de trabalhadores para oportunidades de trabalho); habilitação e postagem do seguro-desemprego; cadastro e encaminhamento do trabalhador para programas de qualificação profissional e também de competências básicas para o trabalho; emissão das Carteiras de Trabalho e Previdência Social.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/sine-movel-emite-carteiras-de-trabalho-na-regiao-norte-de-minas/