• Agenda

    setembro 2020
    S T Q Q S S D
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

Gestão em Minas: Ministro do Esporte elogia andamento das obras do Mineirão

Segundo o ministro, Minas possui o ritmo de obras mais avançado do país

Carlos Alberto/Imprensa MG
Alberto Pinto Coelho recebeu Aldo Rebelo durante vistoria ao Mineirão
Alberto Pinto Coelho recebeu Aldo Rebelo durante vistoria ao Mineirão

O vice-governador Alberto Pinto Coelho e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, visitaram as obras no Mineirão, nesta quarta-feira (18). Após a visita, o ministro elogiou o andamento das obras no estádio e também as intervenções no trânsito em Belo Horizonte.

“Belo Horizonte é a capital que tem as obras com a maior proximidade com o cronograma estabelecido entre todas as cidades-sede do Mundial”, afirmou Aldo Rebelo, em entrevista. O ministro assinou o painel “Mineirão eu faço parte desta história”, onde são registradas as visitas recebidas durante as obras no estádio.

O ministro também ressaltou o legado das obras para a capital mineira. “A Copa já é uma realidade. Belo Horizonte tem um estádio moderno, compatível com suas tradições, que é o Mineirão renovado. As obras de mobilidade urbana vão melhorar a vida das pessoas, já foram até inauguradas. E Belo Horizonte terá visibilidade para bilhões de pessoas”, afirmou Aldo Rebelo.

O Mineirão receberá seis partidas durante a Copa do Mundo de 2014, incluindo uma das semifinais. As obras seguem rigorosamente em dia. O estádio será o primeiro a ficar pronto em 21 de dezembro de 2012.

“Minas Gerais está cumprindo o seu dever de casa e as obras estão em dia. Estamos preparando o Estado, em parceria com o município, para bem receber aqueles que virão para a Copa de 2014, inclusive nos roteiros turísticos, na questão da segurança pública e preparando as pessoas para receber os turistas”, afirmou Alberto Pinto Coelho.

O secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo, Sergio Barroso, disse que o ministro Aldo Rebelo leva de Belo Horizonte as melhores impressões, não somente com o Mineirão, mas também com obras de mobilidade urbana, hotelaria, aeroportos, rotas turísticas, segurança e saúde. “Os elogios que recebemos hoje endossam o bom trabalho de Minas Gerais para os preparativos da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014”, afirmou Sergio Barroso.

Também participaram da visita o prefeito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda; o secretário de Estado de Esportes e da Juventude, Bráulio Braz; o secretário de Estado de Turismo, Agostinho Patrus; o secretário de Transportes e Obras Públicas, Carlos Melles, além de autoridades locais e estaduais.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/ministro-do-esporte-elogia-andamento-das-obras-do-mineirao/

Governo de Minas: Estádio Independência será reinaugurado dia 25 de abril

Jogo de reabertura será um amistoso do América Futebol Clube, que ainda está escolhendo o adversário

Renato Cobucci/Imprensa MG
Presidente do América, Marcos Salum; secretário Sergio Barroso e presidente da BWA, Ricardo Azevedo
Presidente do América, Marcos Salum; secretário Sergio Barroso e presidente da BWA, Ricardo Azevedo

O Estádio Raimundo Sampaio, o Independência, será reinaugurado dia 25 de abril, com uma partida amistosa do América Futebol Clube, que ainda está escolhendo o adversário, entre equipes internacionais. O jogo, além de marcar a reabertura do estádio, fará parte também das comemorações do centenário do clube mineiro.

A data foi anunciada durante coletiva da qual participaram o secretário de Estado Extraordinário da Copa do Mundo, Sergio Barroso, o presidente do América, Marcus Salum, e o diretor-presidente da Arena Independência, Ricardo Azevedo. O dirigente americano informou que está tentando trazer para o jogo de inauguração uma equipe da América Latina.

“A inauguração do Independência será o início de uma nova era do futebol no Estado, com muito mais profissionalismo e mais conforto e segurança para os torcedores”, destacou Barroso.

Atualmente, 98% das obras estão prontas. Faltam instalação da lona plotada na fachada, finalização do piso do estacionamento, detalhes das instalações elétricas e hidráulicas, vidros das duas torres, além de detalhes da pintura do estádio.

“Após a reabertura, o estádio será entregue à Arena Independência, que terá liberdade de personalizar algumas áreas, por exemplo, os camarotes. Então a obra estará 100% pronta, mas, por opção da BWA, algumas modificações e customizações poderão ser feitas posteriormente”, explica Barroso.

“Esses ajustes operacionais serão feitos para maximizar a rentabilidade do estádio, mas sem interferir no funcionamento da arena para o público”, afirmou Azevedo. Ele informou ainda que o plano operacional está elaborado e será divulgado após aprovação do Governo.

Durante a entrevista, foi divulgado também novo vídeo do estádio Independência que mostra a evolução da obra. O link do novo vídeo é o seguinte: http://youtu.be/Db5FeGct2ag.

“Teremos, até o final do ano, dois estádios de padrão internacional em Belo Horizonte. Para o Governo, a paixão dos mineiros pelo futebol é tão forte que esse esporte se tornou um patrimônio cultural”, concluiu Barroso

Novo Independência

O novo Independência terá a capacidade de público ampliada de 10 para 25 mil pessoas, todos os assentos cobertos com material que reduz a emissão de som para a área externa; 422 vagas para estacionamento; duas torres de serviço que abrigam a administração, posto médico, central de vídeo monitoramento, central de comando do estádio, áreas de hospitalidade e áreas de segurança pública; dois elevadores e uma plataforma, além de rampas asseguram acesso a todos os níveis; sistema moderno de iluminação que evita sombras nas transmissões de jogos noturnos; grama com sistemas de drenagem e de irrigação recomendados pela Fifa; acesso facilitado por estação do metrô a 600 metros e, em dias de eventos, haverá mais ônibus e táxis no entorno do estádio; os vestiários contarão com  auditório para entrevistas coletivas; haverá 2 lojas e 32 bares e lanchonetes espalhados nos diferentes setores do estádio; para a imprensa estarão disponíveis16 cabines (rádio e TV) e 72 postos de trabalho (imprensa escrita); os camarotes ocuparão um espaço flexível com capacidade para aproximadamente 2.225 pessoas.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/estadio-independencia-sera-reinaugurado-dia-25-de-abril/