• Agenda

    setembro 2020
    S T Q Q S S D
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

PT tem gestão deficiente no Nordeste

PT: Grandes projetos como transposição São Francisco, as ferrovias Transnordestina e as refinarias da Petrobras acumulam atrasos.

PT: gestão deficiente

 PT tem gestão deficiente no Nordeste

PT: Grandes projetos como transposição São Francisco, as ferrovias Transnordestina e as refinarias da Petrobras acumulam atrasos.

Fonte: Instituto Teotônio Vilela.

Desprezo pelo Nordeste

O Nordeste deu a Lula e, depois, a Dilma Rousseff expressivas votações. Nas campanhas petistas, a região sempre foi apresentada em cores vistosas, dona de um futuro radiante e promissor. A realidade, porém, tem contrariado as edulcoradas promessas feitas pelos petistas. Na prática, o governo federal tem virado as costas para o Nordeste.

O Valor Econômico publicou, em manchete, levantamento mostrando que os grandes projetos prometidos pelo PT para os estados nordestinos acumulam atrasos, veem seus custos escalarem e estão longe, muito longe de se transformar em realidade. Sobraram promessas, faltou milagre. Para o petismo, o Nordeste continua servindo apenas para proselitismo político.

Lá se vão dez anos de governo petista, lá se vão quase seis anos do lançamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC). Mas a situação, infelizmente, pouco mudou na região. Os projetos mais esperados não foram concluídos e, possivelmente, não o serão na gestão atual. Será que na próxima campanha o PT ainda terá coragem de explorá-los eleitoralmente?

A lista de obras malparadas é extensa: a transposição das águas do rio São Francisco, as ferrovias Transnordestina e Oeste-Leste, as refinarias da Petrobras, a BR-101, os metrôs das principais capitais nordestinas e até mesmo os malfadados navios petroleiros que não conseguem navegar.

Segundo o Valor, a carteira de investimentos federais na região soma R$ 116 bilhões. Na média, estes empreendimentos estão três anos e meio atrasados. Mas há os que já nem entram mais na lista, pelas parcas perspectivas de sair do papel – as refinarias Premium, por exemplo, só continuam porque, diante de protestos no Ceará e no Maranhão, a Petrobras recuou de cancelá-las.

Como se não bastasse, a paralisação da exploração de petróleo em terra por produtores independentes também golpeia a saúde econômica da região. Estas empresas concentram sua atividade em locais pobres da Bahia, Sergipe, Alagoas, Rio Grande do Norte, Maranhão e Piauí, mas estão fechando em razão da suspensão dos leilões da ANP.

Tem mais: no recente pacote de privatizações lançado por Dilma, nem um único quilômetro de rodovia ou de ferrovia situado nos noves estados da região foi contemplado pelo governo do PT. É muita maldade para um Nordeste só.

A visão do PT sobre o Nordeste é a dos coronéis que se locupletam com a pobreza na região. As obras são usadas para ludibriar eleitores, cobrar-lhes fidelidade na hora do voto, minar-lhes a autonomia. Vejamos o trato que o governo federal vem dando às intervenções contra a seca – que, neste ano, castigam os estados nordestinos como não acontecia há mais de três décadas.

Tornou-se notório o uso político de iniciativas que deveriam servir para atenuar o flagelo. O virtuoso programa de construção de cisternas, por exemplo, cujo objetivo era instalar 1 milhão de equipamentos, foi desvirtuado e distanciou-se de sua meta. A transposição das águas do São Francisco praticamente derreteu sob o sol inclemente.

Mas o que há de mais abjeto é a exploração política da calamidade. Em sua edição de hoje, O Estado de S.Paulo revela que o grupo político do ministro da Integração Nacional usa água para angariar votos para eleger Fernando Coelho Filho, deputado federal pelo PSB e filho do ministro, para a prefeitura de Petrolina (PE).

“Na Superintendência da Codevasf em Petrolina, responsável por todo o estado, nada menos que 95% dos pagamentos gerados a partir de emendas em 2011 (R$ 3,3 milhões) foram para projetos apadrinhados pelo deputado”, ressalta o jornal. Reuniões da Codevasf para cadastramento e capacitação de beneficiados com cisternas ocorrem no mesmo imóvel em que funcionam comitês do candidato. Se isso não é o velho cabresto, o que mais é?

O Nordeste tem quase 28% da população brasileira, mas continua participando com parcela desproporcional da riqueza gerada no país: pouco mais de 13% do PIB. No discurso, o PT prometeu reduzir este abismo, mas na prática apenas realimentou práticas que a sociedade abomina e que o país busca deixar, definitivamente, no passado.

Deve ser pelo pouco caso que tem dispensado à região que o partido de Lula, Dilma e José Dirceu está prestes a tomar uma surra também dos nordestinos no pleito de 7 de outubro. O desprezo e o desdém do PT em relação ao rol de promessas empenhadas e não cumpridas terão resposta à altura dos eleitores.

PT: gestão deficiente no nordeste – Link da matéria: http://clippingmp.planejamento.gov.br/cadastros/noticias/2012/9/24/projetos-de-investimento-no-ne-acumulam-atrasos

Prefeito mineiro do PT faz discurso de apoio a Anastasia

Prefeito de São Francisco, do PT, discursa em apoio a Anastasia

Fonte: Coligação “Somos Minas Gerais”

Trecho do discurso do prefeito de São Francisco Padre José Antônio (PT), em apoio à reeleição do governador Antonio Anastasia, na Praça Centenário

“É com muita alegria que temos hoje a honra de receber o nosso governador e candidato à reeleição Antonio Anastasia. Há alguns meses, estive no Palácio Tiradentes, onde fiz a ele o convite de vir visitar a nossa terra, dizendo: ‘governador, o povo de São Francisco reconhece todos os benefícios que o senhor concedeu à nossa terra. O povo de São Francisco tem um grande apreço pelo senhor. O povo de São Francisco quer ter a honra de tê-lo em nosso meio.’ E aí o governador me respondeu, falando que por aquele momento não era possível sua visita aqui, mas que viria, sim, durante a campanha. E nós, governador Anastasia, aguardamos com ansiedade a presença de vossa excelência aqui em nosso meio. É um momento de todos nós agradecermos o benefício do ProHosp, das escolas urbanas e rurais, o grande benefício do asfalto, através do ProAcesso. Governador, as nossas cidades e vozes vão ficar interligadas. Então, é toda a região que está aqui hoje representada, estou vendo aqui prefeitos de todas as regiões vizinhas, para agradecer ao senhor. Para dizer que estamos juntos com o senhor nessa caminhada. E para desejar sucesso, governador, nessa jornada.”

Lideranças políticas e moradores do Norte de Minas vão às ruas agradecer Antonio Anastasia por governo sem chantagens partidárias

Moradores e lideranças políticas do Norte de Minas vão às ruas agradecer governo sem chantagens partidárias

Fonte: Coligação “Somos Minas Gerais”

Em São Francisco, prefeito do PT reúne população em praça pública para declarar seu apoio à reeleição de Antonio Anastasia

Anastasia e Aécio são recebidos por multidão em Bocaiúva e recebem apoio de 80 prefeitos em Montes Claros

O governador Antonio Anastasia visitou o Norte de Minas nesta quinta-feira (23/09), acompanhado do ex-governador Aécio Neves, candidato ao Senado pela coligação “Somos Minas Gerais”. Anastasia esteve emSão Francisco, Bocaiúva e Montes Claros. Nas três cidades, os candidatos receberam inúmeras manifestações de reconhecimento à forma imparcial, ética e sem chantagens partidárias com que Aécio e Anastasia governaram Minas Gerais e firmaram parcerias com todos os municípios mineiros.

Em São Francisco, cidade ribeirinha do Velho Chico, os moradores fizeram uma grande festa para marcar a visita do governador. O ponto alto foi a declaração de apoio do prefeito da cidade, padre José Antônio, do PT, à reeleição de Antonio Anastasia.

Ao final de uma carreata, na praça principal da cidade de São Francisco, o prefeito saudou a presença do governador e agradeceu o apoio que o Governo do Estado deu ao município nos últimos anos. Segundo ele, Aécio Neves e Antonio Anastasia nunca fizeram distinção partidária quando os prefeitos buscaram parcerias junto ao Estado.

“Aguardamos com ansiedade a sua presença, governador, aqui em nosso meio. É um momento de todos nós agradecermos o benefício do ProHosp, das escolas urbanas e rurais, o grande benefício do asfalto, através do ProAcesso. As nossas cidades e vozes vão ficar interligadas. É toda a região que está aqui hoje representada. Estou vendo aqui prefeitos de todas as regiões vizinhas, para agradecer ao governador. Para dizer que estamos juntos com o governador nessa caminhada. E para desejar sucesso nessa jornada”, disse o prefeito petista.

Emocionado, Anastasia disse que o apoio dos mineiros, inclusive de prefeitos de partidos de oposição, é o reconhecimento à forma republicana como ele e Aécio Neves governaram Minas Gerais. O governador agradeceu o apoio do prefeito de São Francisco.

“Naturalmente, fiquei muito satisfeito, muito alegre, com o reconhecimento do prefeito Padre José Antônio, de São Francisco, que pertence a um partido de oposição a nós. Ele reconheceu as parcerias, o caráter republicano. Ele, que já é prefeito reeleito, declarou em praça pública o apoio à nossa candidatura. É mais um apoio muito importante de um prefeito do PT”, disse o governador.

Mineiros decidirão seus votos
O governador Anastasia lembrou que a sua candidatura foi construída em Minas, pensando nos mineiros. Para Anastasia, a população do Estado saberá reconhecer e valorizar a democracia para escolher o próximo governador de Minas Gerais.

“Estamos a pouco mais de uma semana das eleições em que vamos decidir o futuro de Minas Gerais. E nós mineiros é que vamos decidir, com orgulho, com altivez, sabendo que Minas Gerais está nas nossas mãos, de cada um dos 20 milhões de mineiros e de 14 milhões de eleitores. Eu sei que o futuro que nos espera é cada dia mais radiante, porque estamos trabalhando em conjunto, juntos, um ao lado do outro. Isto é Minas Gerais”, disse Anastasia.

Multidão vai às ruas de Bocaiuva
Após a visita a São Francisco, Anastasia e Aécio seguiram para Bocaiúva. Logo na chegada, os candidatos se surpreenderam com a multidão que os aguardava no aeroporto da cidade. Entre os apoiadores estavam o prefeito da cidade, Ricardo Veloso (PSDB), e várias lideranças políticas da região fizeram questão de prestigiar a chegada dos candidatos.

O governador Antonio Anastasia se emocionou com a recepção em Bocaiúva e comentou sobre a satisfação de ver o trabalho de oito anos reconhecido pela população. Ele lembrou que, durante o seu governo e de Aécio Neves, o Estado investiu o dobro no Norte de Minas se comparado com as outras regiões de Minas Gerais.

“O Norte de Minas é uma região muito especial do nosso Estado. Aqui investimos muito. Aqui, Aécio e eu fizemos um trabalho muito belo, investindo mais do que nas demais regiões, em termos proporcionais, especialmente, na infraestrutura, na educação, na saúde, na segurança, nas estradas, na telefonia e no saneamento. Mas sabemos que ainda há muito a fazer. E por isso mesmo, somos candidatos para continuar com esse trabalho a favor do Norte de Minas, trazendo mais empregos para a região”, declarou o governador.

O entusiasmo da população de Bocaiúva continuou durante a carreata pela Avenida Francisco Drummond. Em seguida, eles fizeram caminhada até a Praça Benedito Valadares onde discursaram para uma multidão.

Montes Claros
Em Montes Claros, Anastasia e Aécio Neves foram recebidos por uma grande festa que reuniu 80 prefeitos de municípios do Norte de Minas, lideranças políticas e caravanas de vários municípios da região.

A população saiu às ruas para demonstrar o apoio à reeleição de Antonio Anastasia na reta final da campanha. Do aeroporto, Anastasia e Aécio seguiram até a avenida Geraldo Ataíde, de onde iniciaram uma carreata por várias ruas da cidade. A carreata seguiu até à praça da Catedral Metropolitana de Nossa Senhora Aparecida, no centro de Montes Claros.

Em frente ao santuário, os candidatos participarão de ato político. Em seguida, ainda caminham pelas ruas Pedro II, Doutor Veloso, Governador Valadares e pelo calçadão. O contato direto com a população encerrou a mobilização da campanha nesta quinta-feira que passou também por Curvelo, São Francisco e Bocaiúva.