• Agenda

    outubro 2019
    S T Q Q S S D
    « out    
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

  • Anúncios

Gestão Anastasia: Regional de Saúde de Patos de Minas promove treinamento em vigilância sanitária

Treinamento foi direcionado a profissionais admitidos recentemente para trabalharem como fiscais sanitários

Lilian Cunha/SES-MG
Profissionais de nove municípios participaram da capacitação em Patos de Minas
Profissionais de nove municípios participaram da capacitação em Patos de Minas

Nesta quinta-feira (19), o Núcleo de Vigilância Sanitária da Superintendência Regional de Saúde de Patos de Minas promoveu o treinamento introdutório em vigilância sanitária para profissionais de nove municípios da microrregião, que foram admitidos recentemente para trabalharem como fiscais sanitários.

A oficina teve como objetivo explicar os trabalhos desenvolvidos pela vigilância sanitária, expor sobre a conduta do fiscal (aspectos éticos e postura), discorrer sobre a legislação, a gestão do risco e processos e instrumentos de trabalho.

A coordenadora da vigilância sanitária da Regional de Patos de Minas, Ivany Brito, explicou o que vem a ser vigilância sanitária e a importância do envolvimento dos fiscais sanitários nas ações educativas e nas inspeções. “A Vigilância Sanitária é um conjunto de ações capazes de eliminar, diminuir e prevenir riscos à saúde e de intervir em problemas sanitários decorrentes do meio ambiente, da produção e circulação de bens e da prestação de serviços de interesse da saúde, abrangendo produtos e serviços. Hoje, nos municípios da regional, praticamente 90% das ações estão descentralizadas e o trabalho é realizado dentro do âmbito da Vigilância em Saúde, pois envolve também os demais atores como a Vigilância Epidemiológica, Vigilância Ambiental, Saúde do Trabalhador e Atenção Primária”, ressaltou.

Há menos de oito meses na vigilância sanitária de Lagoa Formosa, a farmacêutica Adriana Cristina Pinheiro avaliou como extremamente proveitoso o treinamento. “Achei muito interessante as apresentações que mostram o básico sobre o trabalho do fiscal sanitário e que nos auxiliará bastante no dia a dia”.

Durante o decorrer do ano serão realizadas oficinas teóricas mensais, abordando os seguintes temas: medicamentos, alimentos, laboratórios e serviços de saúde. Além disso, haverá treinamento prático constante nos municípios.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/regional-de-saude-de-patos-de-minas-promove-treinamento-em-vigilancia-sanitaria/

Anúncios

Governo de Minas: Secretaria de Saúde repassa R$ 1,3 milhão para Patos de Minas

Investimento será para a aquisição de equipamentos e outros materiais para a UPA

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) repassou, por meio de convênio, à Prefeitura de Patos de Minas, no Alto Paranaíba, R$ 1,3 milhão, para a aquisição de equipamentos e outros materiais permanentes e de consumo para implantação da Unidade de Pronto Atendimento – UPA Porte III, que vai atender toda a microrregião de Patos de Minas e João Pinheiro, beneficiando 400 mil pessoas de 21 municípios.

A UPA contará com um número mínimo de seis médicos distribuídos entre pediatra e clínico geral e terá capacidade para atender mais de 300 pacientes por dia. A UPA será equipada com leitos de observação, sala de classificação de risco, salas de exames, sala de urgência, entre outras.

“Considerando a importância para o atendimento aos usuários do SUS na região, a SES veio por meio desse convênio auxiliar a prefeitura com essa transferência. A intenção é contribuir de forma significativa para o fortalecimento da saúde da população”, afirmou o secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/secretaria-de-saude-repassa-r-13-milhao-para-patos-de-minas/

Gestão Anastasia: Carlos Alberto Parreira será consultor do Governo de Minas na Copa do Mundo

Ex-técnico da Seleção Brasileira tem a missão de atrair delegações estrangeiras para o Estado

Por meio de contrato firmado com a Secretaria de Estado Extraordinário da Copa (Secopa), o ex-técnico da Seleção Brasileira de Futebol, Carlos Alberto Parreira, será consultor para a Copa em Minas Gerais. O trabalho de Parreira será o de atrair as seleções de futebol ao Estado durante a Copa do Mundo da Fifa Brasil 2014, para que elas escolham os Centros de Treinamento de Seleções (CTS) de Minas Gerais.

Atualmente, 19 cidades mineiras são candidatas a CTS junto ao Comitê Local da Fifa (COL): Araxá, Caxambú, Caeté, Divinópolis, Extrema, Formiga, Governador Valadares, Ipatinga, Juiz de Fora, Lagoa Santa, Matias Barbosa, Montes Claros, Patos de Minas, Poços de Caldas, Sacramento, Sete Lagoas, Uberaba, Uberlândia e Varginha. Entretanto, cabe às seleções a escolha do local de treinamento. “Meu trabalho será o de seduzir essas seleções para que elas venham. A forma e o visual têm que ser perfeitos nessa sedução, uma vez que são apenas 32 seleções para um universo enorme de cidades na disputa”, disse o ex-técnico durante coletiva, nesta quinta-feita (19), no BDMG.

Parreira destacou a posição geográfica de Minas Gerais como um dos aspectos favoráveis na disputa. “Belo Horizonte está no epicentro da região Sudeste, a uma hora de qualquer uma das cidades da área. Em 1994, nos Estados Unidos, eu me deslocava com a Seleção Brasileira de avião, porque onde ficamos concentrados era um local que nos atendia em tudo. Em 2006, novamente, ficamos em Frankfurt, mas nos deslocávamos à concentração ideal para nossa permanência”, explicou. O ex-técnico ainda incluiu a paixão do mineiro por futebol, a hospitalidade mineira, simpatia dos habitantes e o clima do Estado como fatores positivos no processo de convencimento das seleções estrangeiras. “Belo Horizonte tem um clima excelente e outros atrativos determinantes na escolha de um CTS pelas seleções”, frisou.

O novo consultor lembrou que sua experiência no assunto irá facilitar seu trabalho de promoção das cidades candidatas a CTS. “Farei visitas a equipes no exterior, irei à Eurocopa, haverá contato pessoal com treinadores mais próximos, farei ligações telefônicas, enfim, sei onde estão as fontes para apresentar a estrutura que está sendo montada em Minas”, explicou. Parreira participou de nove Copas do Mundo. Em três, o ex-técnico foi protagonista na escolha do local de treinamento da equipe do Brasil. Parreira também já treinou seleções da Arábia Saudita, Emirados Árabes, Kuwait e África do Sul. Tem ainda o mérito de ter classificado seleções de cinco países para a Copa do Mundo.

O contrato com o Governo de Minas tem duração até a Copa de 2014. O primeiro desafio será realizar um diagnóstico das 19 cidades para identificar aspectos com necessidade de melhoria. O especialista vai elaborar um material técnico do grupo de cidades para mostrar às Confederações o potencial de cada município. Outra ação serão as visitas às federações e confederações para mostrar o que está disponível em Minas.

O secretário Sergio Barroso comemorou a iniciativa. “Além de infraestrutura para promovermos a interiorização da Copa, necessitamos também de profissionais com credibilidade e experiência. O Parreira é um deles. Ele conhece nosso Estado, os clubes mineiros, nossos estádios, enfim, tem todas as credenciais para realizar uma boa parceria com o Governo de Minas”.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/carlos-alberto-parreira-sera-consultor-do-governo-de-minas-na-copa-do-mundo/

Gestão Anastasia: caravana Mães de Minas encerra atividades em Divinópolis

As oficinas levaram informações bem práticas ao dia a dia das mães e familiares

Willian Pacheco/SES-MG
As oficinas passaram informações essenciais que a mulher precisa saber durante a gravidez
As oficinas passaram informações essenciais que a mulher precisa saber durante a gravidez

A caravana Mães de Minas, da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), encerrou suas atividades nessa segunda-feira (16), em Divinópolis, com mais 105 gestantes cadastradas no programa. As oficinas levaram informações bem práticas ao dia a dia das mães e familiares, com a participação das moradoras de Medeiros, Campo Belo, Santo Antônio do Monte, Carmo do Cajurú e Lagoa da Prata.

Informações essenciais que a mulher precisa saber neste momento especial da vida, como a posição adequada para a amamentação, o que é o colostro, horário e duração das mamadas, arroto, elementos presentes no leite materno, cuidados com o umbigo, ter atenção para cor das fezes, assaduras, cólicas, troca de fraldas e banho do bebê foram alguns dos temas abordados nas oficinas em formato de roda de conversa.

Além de participar das oficinas, gestantes, mães e familiares tiveram a oportunidade de gravar seus depoimentos no Stand Roda de Conversa, onde puderam expor suas expectativas e sentimentos com relação à maternidade. Os interessados puderam, também, tirar fotos na cabine disponibilizada no local do evento.

A superintendente adjunta da Regional de Saúde de Divinópolis, Kênia Carvalho, explica que a caravana faz parte do programa Mães de Minas e tem como principal objetivo a redução da mortalidade infantil e materna. “O programa deriva do Viva Vida e busca atender as gestantes tanto da rede pública quanto da privada. E a caravana veio para isto. Para orientar mães e familiares  durante a gestação”, explica.

Para a moradora de Divinópolis, Renata Cristina, grávida de quase nove meses, e participante da Oficina de Brinquedos, a caravana foi muito proveitosa. “Gostei muito, principalmente de tirar fotos na cabine. É uma recordação”, conta. A moradora de Campo Belo, Jéssica Amanda, grávida de seis meses, compartilha da mesma opinião. “Eu adorei. Foi ótimo. Eu participei da Oficina de Brinquedos, contei minha história e tirei fotos”, comenta.

Para a secretária de Saúde de Divinópolis, Rosenilce Cherrie Mourão, a caravana é um exemplo nítido de promoção à saúde. “O que está acontecendo em Divinópolis é promoção e valorização da saúde da gestante. São esclarecimentos de tudo aquilo que as mães e gestantes precisam saber”.

Caravana      

A caravana já passou por Ribeirão das Neves e Divinópolis, e ainda passará por Juiz de Fora, Varginha, Diamantina, Governador Valadares, Montes Claros, Teófilo Otoni, Patos de Minas, Uberaba e Uberlândia. Ela é formada por uma equipe de 15 pessoas, entre técnicos da área de saúde, lideranças comunitárias e profissionais com experiência em trabalhos voltados para a mulher.

A capacitação foi acompanhada pela SES e pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), instituição que também desenvolve ações em parceiras com o Governo de Minas no combate à mortalidade infantil e materna no Norte e Nordeste do Estado.

Serviço 155

Para ser acompanhada e garantir uma gravidez saudável, a gestante assistida pela rede pública e particular deve ligar para o call center 155 e se cadastrar no Sistema de Identificação da Gravidez. Já foram cadastradas, até o momento, 5.093 gestantes, de 377 municípios mineiros. Feito o cadastro, as mulheres passam a ter acompanhamento especializado.

A equipe de atendentes é formada por avós e mães treinadas para oferecer atendimento humanizado. Elas checam se a gestante foi à consulta agendada; ligam para saber sobre o parecer médico e resultado de exames, se foram diagnosticadas com gravidez de alto risco.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/caravana-maes-de-minas-encerra-atividades-em-divinopolis/

Governo de Minas: município de Divinópolis receberá Caravana Mães de Minas

Gestantes, mães com crianças até um ano de idade e familiares poderão participar de diversas oficinas e atividades de formação e sensibilização voltadas ao acompanhamento da gravidez e da criança

Entre os dias 13 e 15 de abril, Divinópolis, no Centro-Oeste do Estado, recebe a 3ª parada da Caravana Mães de Minas, parte do Programa Mães de Minas, da Secretaria de Estado de Saúde (SES) para redução da mortalidade materna e infantil no Estado. O evento será realizado das 9h às 17h30, no Ginásio Polisesportivo Vereador José Costantino Sobrinho, Rua do Chumbo, 625, bairro Niterói.

Gestantes, mães com crianças até um ano de idade e familiares poderão participar de diversas oficinas e atividades de formação e sensibilização voltadas ao acompanhamento da gravidez e da criança. A caravana é um espaço composto por nove estandes, nos quais o público terá acesso ao cadastramento no 155; à oficina de aleitamento materno; à oficina de cuidados com o bebê e com a gestante; à oficina sobre o parto normal; às oficinas de brinquedos; à cabine de vídeo e foto; à roda de memória; e à exposição do “túnel da vida”.

Para o secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques, a caravana será fundamental para unir esforços que garantam a prioridade da causa em Minas. “Ao cuidarmos da concepção ao primeiro ano de vida, buscando mobilizar a sociedade para transformar a maternidade no maior patrimônio dos mineiros, nós estamos plantando uma infância mais saudável. E quem planta uma infância mais saudável, terá adiante uma sociedade mais saudável”, destacou.

Caravana

A ação constitui importante frente de mobilização do Programa Mães de Minas e visitará 12 municípios mineiros no período de 16 de março a 26 de setembro, permanecendo em cada cidade durante três dias. A Caravana já passou por Ribeirão das Neves e por Belo Horizonte. Outros municípios que vão receber a caravana são: Juiz de Fora, Varginha, Diamantina, Governador Valadares, Montes Claros, Teófilo Otoni, Patos de Minas, Uberaba e Uberlândia.

A caravana é formada por uma equipe de 15 pessoas, entre técnicos da área de saúde, lideranças comunitárias e profissionais com experiência em trabalhos voltados para a mulher.

A capacitação foi acompanhada pela SES e pela Unicef, instituição que também desenvolve ações em parceiras com o Governo de Minas no combate à mortalidade infantil e materna no Norte e Nordeste do Estado.

Mães de Minas

Para o ano de 2012, foi estruturado o Programa Mães de Minas, que constitui um recorte e diferencial da Rede Viva Vida de Atenção Integral à Saúde da Mulher e da Criança e, como tal, deverá estimular um processo de mobilização social que contemple monitoramento e acompanhamento das mães e de seus filhos até um ano de idade, pelo sistema telefônico. Esse processo deverá envolver Estado e sociedade civil na direção de unir esforços com vistas à redução da mortalidade infantil e materna.

Serviço 155

Para ser acompanhada e garantir uma gravidez saudável, a gestante assistida pela rede pública e particular deve ligar para o call center 155 e se cadastrar no Sistema de Identificação da Gravidez. Já foram cadastradas, até o momento, 5093 gestantes de 377 municípios mineiros. Feito o cadastro, as mulheres passam a ser acompanhadas.

A equipe de atendentes é formada por avós e mães treinadas para oferecer atendimento humanizado. Elas checam se a gestante foi à consulta agendada; e ligam para saber sobre o parecer médico, resultado de exames e, por exemplo, se foram diagnosticadas com gravidez de risco.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/municipio-de-divinopolis-recebera-caravana-maes-de-minas/

Gestão da Saúde: Caravana Mães de Minas promove ações em Belo Horizonte

As mães participaram de oficinas e atividades de formação e sensibilização voltadas ao acompanhamento da gravidez e da criança

Henrique Chendes/SES-MG
Além das gestantes, também participam das ações mães com crianças até um ano de idade e familiares
Além das gestantes, também participam das ações mães com crianças até um ano de idade e familiares

A Caravana Mães de Minas desembarcou, neste final de semana, em Belo Horizonte e reuniu futuras mamães que participaram de diversas oficinas e atividades de formação e sensibilização voltadas ao acompanhamento da gravidez e da criança. O evento aconteceu na Escola Municipal Isaura Santos, no Barreiro.

Além das gestantes, também participam das ações mães com crianças até um ano de idade e familiares. Os papais também participarem das oficinas, como foi o caso de Arnaldo Santos Machado, pai de um menino de 3 anos e de uma menina de 5 meses. “Acredito que mais que incentivar e cuidar das gestantes, o Mães de Minas oferece a oportunidade de conhecimento para se ter um melhor convívio com a família. Além das mães o programa incentiva também uma consciência paternal e contribui com experiências que consequentemente serão passadas aos filhos”, afirmou.

A Caravana Mães de Minas é um espaço composto por nove estandes, nos quais o público tem acesso ao cadastramento no 155;  oficina de aleitamento materno; oficina de cuidados com o bebê e com a gestante; oficina sobre o parto normal; oficinas de brinquedos; cabine de vídeo e foto; roda de memória e a exposição do “túnel da vida”.

O programa é uma iniciativa da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) para redução da mortalidade materna e infantil no Estado e Belo Horizonte foi a segunda cidade a receber a Caravana. A primeira foi Ribeirão das Neves. Outros 10 municípios vão participar da ação: Divinópolis, Juiz de Fora, Varginha, Diamantina, Governador Valadares, Montes Claros, Teófilo Otoni, Patos de Minas, Uberaba e Uberlândia.

A caravana

A Caravana é formada por uma equipe de 15 pessoas, entre técnicos da área de saúde, lideranças comunitárias e profissionais com experiência em trabalhos voltados para a mulher.

A oficineira e assistente social Launa Nara, conta que uma das maiores dúvidas e medos das gestantes tem a ver com o tipo de parto a ser adotado. “Muitas mães, principalmente as de primeira viagem, possuem muitas dúvidas sobre o parto normal, o parto cesárea e, também, sobre os procedimentos médicos. Procuro explicar que neste momento a gestante deve ficar tranquila e realizar o tipo de parto recomendado pelo médico. Acho que em cada oficina a minha função é quebrar os mitos e os medos das grávidas”, afirmou.

Muitas gestantes que esperam o segundo ou terceiro filho participam também da Caravana e, muito interessadas, anotam tudo o que é passado. Este foi o caso de Elaine Beatriz Marques que está grávida de cinco meses e aguarda ansiosamente a chegada do segundo filho. “As oficinas para mim foram maravilhosas. Muito do que aprendi irei utilizar com o meu segundo filho, como o uso correto das fraldas, a forma correta de dar o banho e o preparo da mamadeira. Aprendi muito e pretendo colocar tudo em prática.”

Divinópolis será a próxima parada da Caravana Mães de Minas, nos dias 13,14 e 15 de abril. O evento será das 9h às 17h30, no Ginásio Poliesportivo Vereador José Costantino Sobrinho, Rua do Chumbo,625, Bairro Niterói.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/caravana-maes-de-minas-promove-acoes-em-belo-horizonte/

Governo Anastasia: vice-governador inaugura nova sede do conservatório de música em Patos de Minas

Parceria entre o Governo de Minas e a Prefeitura de Patos de Minas viabilizou obra orçada em mais de R$ 800 mil

Osvaldo Afonso/Imprensa MG
O vice-governador Alberto Pinto Coelho inaugurou, em Patos de Minas,  a nova sede do Conservatório Municipal
O vice-governador Alberto Pinto Coelho inaugurou, em Patos de Minas, a nova sede do Conservatório Municipal

O vice-governador Alberto Pinto Coelho inaugurou, nesta sexta-feira (30), em Patos de Minas, no Alto do Paranaíba, a nova sede do Conservatório Municipal Professora Galdina da Costa Corrêa, no Parque dos Mocambos. O Governo de Minas investiu R$ 836,4 mil no novo espaço, que é destinado a aulas de teoria musical, musicalização, e apresentações artísticas.

Em seu pronunciamento, Alberto Pinto Coelho destacou que a inauguração do Conservatório reitera o compromisso do Governo de Minas em manter estreita parceria com o município de Patos de Minas e região.

“Desde o primeiro Governo Aécio Neves, em 2003, até o presente ano, no Governo Anastasia, foram investidos nas áreas de referência, cerca de R$130 milhões. Somente a Copasa prevê novos investimentos da ordem de R$ 40 milhões até 2014”, disse Alberto Pinto Coelho.

O vice-governador anunciou que Patos de Minas receberá R$ 32 milhões em investimentos privados, nos próximos anos, em projetos previstos nos protocolos de intenção assinados pelo Governo do Estado com empresas de diversos segmentos.

“Este número resume o que é levar à frente um plano de governo centrado na Gestão para a Cidadania, reconhecido pelo Banco Mundial como referência de qualidade na administração pública internacional. Não tenham dúvida de que as justas demandas de Patos de Minas continuarão a ter a mesma resposta positiva e concreta que o Governo de Minas tem dado ao município, que apresenta um dos melhores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) de Minas e do Brasil”, afirmou Alberto Pinto Coelho.

A prefeita de Patos de Minas, Béia Savassi, destacou a parceria com o Governo de Minas. “Mais de R$ 800 mil foram liberados pelo governador Antonio Anastasia para construir a sede do novo conservatório. Desde a liberação dos recursos, as perspectivas do nosso conservatório se multiplicaram e o número de alunos praticamente triplicou”, destacou a prefeita.

Conservatório

O Conservatório de Música Professora Maria Galdina Corrêa da Costa possui dois pisos, sendo que no primeiro haverá aulas de teoria musical e musicalização, além de atividades de coral, seresta, Lira Mariana e da oficina Pró-orquestra.

Já no segundo piso, as salas são preparadas acusticamente para receber alunos de instrumentos de corda como violão, violino e violoncelo, instrumentos de sopro como flauta, saxofone, trompete, além de guitarra elétrica, baixo, bateria, acordeon, entre outros.

Atualmente, a instituição atende cerca de 1.500 alunos e 26 professores. No ano de 2009, após dois anos sem abrir vagas, o Conservatório ofereceu 404 novas vagas e triplicou, em 2010, o número de alunos. “A inauguração da nova sede do Conservatório é um sonho realizado. É um espaço de arte, cultura e de sons. Cada instrumento afinado tem o objetivo de despertar dons”, afirmou o diretor do conservatório, Ivan Rosa de Oliveira.

Participaram da solenidade de inauguração do Conservatório o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Elmiro Nascimento; o secretário de Transportes e Obras Públicas, Carlos Melles, a superintendente de Ação Cultural da Secretaria de Estado de Turismo, Janaína Cunha, representando a secretária de Estado da Cultura, Eliane Parreiras, o vice-presidente da Cemig, Arlindo Porto; e lideranças políticas da região.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/vice-governador-inaugura-nova-sede-do-conservatorio-de-musica-em-patos-de-minas/