• Agenda

    setembro 2020
    S T Q Q S S D
     123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    282930  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

A qualificação das administrações municipais: A campanha tucana para as próximas eleições

Fonte: artigo deputado Marcus Pestana – Deputado federal (PSDB-MG)

 PSDB Minas quer fortalecer gestão dos municípios

PSDB Minas quer fortalecer gestão dos municípios

A qualificação das administrações municipais

A campanha tucana para as próximas eleições 
PSDB Minas – É no processo eleitoral que começa a se definir a qualidade das administrações que nascerão das urnas. O perfil dos eleitos é um retrato do grau de informação, consciência e organização da sociedade. O poder econômico, o populismo e a demagogia interferem negativamente na formação das intenções de voto.

Em junho, entraremos na reta final para o delineamento do quadro das disputas municipais em 2012, já que serão realizadas as convenções partidárias.

As eleições municipais são geralmente as mais quentes e disputadas, dada a maior proximidade dos atores e temas do cotidiano da população. A população irá acompanhar com interesse crescente as propostas e a movimentação dos candidatos.

Um bom prefeito pode alavancar o desenvolvimento econômico e social de uma cidade, assim como a eleição de um mau prefeito pode ser um desastre a determinar retrocessos gigantescos. Cuidar daeducação das crianças, da saúde pública, do transporte coletivo e da mobilidade urbana, da moradia e do saneamento ambiental não é coisa para amadores ou irresponsáveis.

Para que o marketing, a mentira, a manipulação e a compra de votos não substituam o debate de ideias e o confronto de biografias, os partidos políticos têm um insubstituível papel como catalisadores do debate e organizadores da ação política.

Infelizmente, a tradição partidária brasileira obedece a uma lógica eminentemente cartorial. Os partidos se transformaram em meros cartórios de registros de candidaturas, servindo de trampolim para projetos vazios e pessoais.

PSDB-Minas tem patrocinado um processo único de discussão e mobilização em 2012, ocupando seu espaço e cumprindo seu papel. Serão dez cursos de formação de candidatos, organizados pelo Instituto Teotônio Vilela, nas diversas regiões para preparação de nossos candidatos a prefeito, vice-prefeito e vereadores. Já tivemos as etapas sediadas em São João del Rei, Pará de Minas, Lavras, Unaí, Montes Claros, Juiz de Fora, Poços de Caldas. A próxima será em Governador Valadares.

E para alavancar vigorosamente as campanhas tucanas em toda Minas Gerais, realizamos no último 25, em Belo Horizonte, com a presença de AécioAnastasia e Sérgio Guerra, o Encontro Estadual do PSDB Minas, com a participação de centenas de pré-candidatos dos quatro cantos do Estado. Além da palavra de nossos maiores líderes, tivemos uma rica mesa-redonda com sete prefeitos do PSDB de regiões diferentes sobre o jeito tucano de governar as cidades, palestras sobre legislação eleitoral e comunicação nas campanhas e uma assembleia que aprovou a Carta Aberta do PSDB aos Municípios Mineiros e à sua População, com diretrizes e princípios que orientarão a postura do partido nas próximas eleições.

Estamos certos que com esse esforço contribuiremos para o avanço dos valores fundamentais dademocracia, da equidade social e da ética na vida das cidades e de suas futuras administrações.

PSDB Minas – Link do artigo: http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=204306,OTE&busca=A%20qualifica%E7%E3o%20das%20administra%E7%F5es%20municipais&pagina=1

Governo Anastasia: Minas Gerais se tornará exportador de banana a partir do segundo semestre

 

Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento aponta crescimento na produção

Divulgação/Emater
Norte de Minas lidera o ranking de produção de banana, com um volume de 328 mil toneladas por ano
Norte de Minas lidera o ranking de produção de banana, com um volume de 328 mil toneladas por ano

A safra mineira de banana deve somar 657 mil toneladas neste ano, segundo previsão do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), a previsão corresponde a um aumento próximo de 1% sobre a safra anterior, seguindo a série histórica de pequenos avanços anuais da produção. Além deste incremento, os produtores do Estado poderão ter um novo estímulo para investir na atividade, já que está previsto para o segundo semestre deste ano o início de exportações regulares da fruta.

As perspectivas de uma nova situação para o setor foram confirmadas pela Associação Central dos Fruticultores do Norte de Minas (Abanorte), sediada em Janaúba, na região Norte do Estado. De acordo com o presidente da entidade, Jorge Luiz Raymundo de Souza, apesar da crise econômica mundial, os agricultores apostam na organização da atividade para colocar grandes volumes de banana prata no mercado internacional, já que está sendo elaborado um protocolo para a exportação da fruta.

“O protocolo é um conjunto de normas ou boas práticas para todos os estágios da atividade, desde o plantio até o transporte para os destinos internacionais”, explica o dirigente. Os estudos são desenvolvidos em parceria pela Abanorte, Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes), Universidade Federal de Lavras (Ufla), Universidade Federal de Viçosa (UFV), Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-MG) e a Central Exporta Minas, que é ligada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Sede).

Na definição dos padrões para a banana de exportação, acrescenta Jorge Luiz, será dada atenção especial às condições de preservação da qualidade do produto nos contêineres, como os cuidados com a embalagem da fruta, a temperatura e o nível de oxigênio, entre outros fatores. O empresário enfatiza que esses aspectos são de fundamental importância para a manutenção das condições da banana até seus destinos no mercado internacional.

As boas práticas a serem seguidas nas propriedades e em todos os estágios seguintes, até a entrega da banana nos portos estrangeiros, devem ser definidas até meados do segundo semestre. De acordo com a previsão da Abanorte, até novembro, o primeiro contêiner com banana prata de Minas segue para a Europa ou Oriente Médio. Souza considera que a prata tem condições de competir com as demais variedades conhecidas pelos europeus porque é a mais adequada para ser incluída em saladas de fruta. “Após ser cortada, a fruta mantém durante maior tempo o sabor original e não fica escurecida”, explica.

As exportações da fruta deverão ser feitas rotineiramente a partir de 2013, porque, de acordo com Souza, alguns mercados demonstram interesse especial pela fruta. “Principalmente a Alemanha, onde a degustação da banana prata foi incluída nas edições dos três últimos anos da Feira Frutilogística, realizada em Berlim”, acrescenta. O produto também foi apresentado, com apoio da Exportaminas, nas três últimas edições da Gulfood, feira de alimentos realizada em Dubai, no Oriente Médio.

Mercado em expansão

Para o secretário da Agricultura, Elmiro Nascimento, os produtores mineiros de banana, bem como os das demais frutas, devem investir na busca da qualidade para expandir sua atuação também ao mercado interno. “Embora apenas 6% das famílias consumam frutas atualmente na quantidade recomendada, conforme dados da Abanorte, esse quadro deve mudar com uma campanha nacional que está programada com base na recomendação do consumo dos produtos dos nossos pomares. As frutas, além de ser saborosas, contribuem para uma vida saudável”, destaca.

A região Norte de Minas lidera o ranking estadual de produção, com um volume da ordem de 328,6 mil toneladas em bananais espalhados por 41,4 mil hectares, sendo 90% ocupados pela variedade prata e o restante pela banana caturra. O Sul de Minas ocupa a segunda posição, com 115,5 mil toneladas de banana em cerca de 11 mil hectares. Em seguida estão as regiões do Rio Doce e da Zona da Mata, com safras estimadas de 45,3 mil toneladas e 41,1 mil toneladas, respectivamente. As áreas plantadas em cada uma dessas regiões são da ordem de 3,9 mil hectares.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/minas-gerais-se-tornara-exportador-de-banana-a-partir-do-segundo-semestre/

Gestão Anastasia: governo de Minas investe R$ 1 milhão e anuncia novos investimentos para Lavras

Recursos foram aplicados na construção de uma Unidade Básica de Saúde, que terá serviço de fisioterapia e laboratório

Henrique Chendes
Secretário Antônio Jorge, acompanhado da prefeita Jussara Menicucci, visitou UBS em Lavras
Secretário Antônio Jorge, acompanhado da prefeita Jussara Menicucci, visitou UBS em Lavras

Lavras, no Sul de Minas, cidade que polariza outros dez municípios, recebeu, nesta terça-feira (10), do Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), mais R$ 1 milhão para a construção de mais uma Unidade Básica de Saúde (UBS).

Nessa UBS, que é diferenciada, os moradores do bairro Floresta, além de contar com assistência primária, também terão à disposição um centro de fisioterapia e um laboratório de análises clínicas. O convênio foi assinado pelo secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques, pela prefeita Jussara Menicucci e pelo secretário municipal de Saúde, José Mourão Lasmar.

Ainda na solenidade, o secretário anunciou que o Governo de Minas vai investir na área de urgência e emergência do município, não somente no assessoramento técnico, mas também irá garantir recursos para a aquisição de aparelhos de raio X e ultrassonografia. “Vamos analisar também a possibilidade de disponibilizar um tomógrafo”.

Na solenidade realizada na sede da prefeitura, Antônio Jorge destacou que a assinatura desse convênio é resultado do esforço dos técnicos, que apresentaram um bom projeto de trabalho. O secretário lembrou que em todas as pesquisas de opinião pública a saúde é sempre citada como uma das principais preocupações do cidadão.

“Trata-se de um desafio mundial, que tem a ver com custos, novas tecnologias e um olhar mais crítico do cidadão acerca dos serviços ofertados pelos gestores públicos”, afirmou o secretário, lembrando que Lavras reflete o que acontece em Minas.  “Hoje, aqui, a saúde é melhor que ontem e, certamente, amanhã será melhor que hoje”, disse, destacando que no município, saúde se faz com técnica, com gestão. “Consideremos Lavras um modelo de saúde para Minas e para o Brasil. Aqui, há uma rede estruturada”, assegurou, citando como um bom exemplo de gestão o trabalho feito pelos gestores municipais no enfrentamento da dengue. “Se em 2009, o município registrou 700 casos, a realidade agora é bem diferente. Há dois anos não há qualquer notificação de dengue no município”, disse ele.

A prefeita Jussara Menicucci falou sobre a mudança do modelo de administração pública, que hoje trabalha com foco na gestão e nos resultados. “Pactuamos com as equipes de trabalho quais são as metas, para atendermos, de fato, as expectativas do cidadão de Lavras”, disse a prefeita, ao citar pesquisa, na qual foi identificado que 96% dos moradores se orgulham de morar na cidade.

O secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Carlos Melles, destacou que em Lavras os administradores têm um olhar especial para o setor da saúde, elencando vários avanços, tanto no fortalecimento das unidades de saúde quanto nas obras de saneamento. “Aqui, tudo o que se faz é voltado para a satisfação do cidadão”, ressaltou.

Foco na atenção primária

Antes da assinatura do convênio, o secretário Antônio Jorge, acompanhado da prefeita Jussara Menicucci, visitou a Unidade Básica de Saúde do bairro Jardim Dona Wanda. Essa unidade atende a cerca de 4 mil moradores dos bairros Alterosa, Jardim Dona Wanda, Pitangui, Jardim América e Bandeirantes. Inaugurada em 2011, ela conta com oito consultórios médicos e odontológicos; salas de vacinação e de curativos; dependência para equipe de Vigilância Epidemiológica e autoclave para esterilização.

Essa UBS também abriga uma das 17 equipes do PSF que atuam no município. Nos últimos oito anos, a Prefeitura de Lavras aumentou em 185% o número de equipes PSF, saltando de 6, em abril/2004 para 17 em abril de 2012, quase três vezes mais.

Atualmente, as equipes de PSF em Lavras são responsáveis pela cobertura de aproximadamente 60% da população do município. Este índice está acima da média de cobertura do Programa Saúde da Família (PSF) no Brasil.

Além do secretário Melles, também participaram da comitiva o secretário adjunto de Estado da Casa Civil, Flávio Unes, o secretário adjunto de Governo, Leonardo Couto, além dos secretários municipais de Saúde, José Lasmar Mourão, e de Planejamento, Silas Pereira, a coordenadora do PSF em Lavras, Sandra Ribeiro, além de médicos e profissionais da cidade.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/governo-de-minas-investe-r-1-milhao-e-anuncia-novos-investimentos-para-lavras/

Governo de Minas: CVTs de Formiga, Sete Lagoas e Lavras investem em ações sociais para a comunidade

Aulas de informática oferecidas nas unidades incentivam a qualificação profissional dos jovens

Divulgação/CVT Formiga
Alunos da Escola Municipal CAIC, no município de Formiga, participam de curso de informática no CVT
Alunos da Escola Municipal CAIC, no município de Formiga, participam de curso de informática no CVT

Em Formiga, no Centro-Oeste do Estado, o Centro Vocacional Tecnológico (CVT) proporciona aos alunos do 9º ano da Escola Municipal CAIC aulas de informática. A aula inaugural ocorreu no dia 22 de março para alunos com idade entre 14 e 16 anos. Para Gabriel Gonçalves Silva, aluno do 9º B, a nova disciplina é uma boa iniciativa da direção da escola. “Achei muito bom, é uma forma de a gente aprender e se qualificar. Esses cursos incentivam a gente estudar mais”, comentou. Camila Cristina de Sá, do 9º A, também aprovou a inserção dos cursos na grade. “Achei ótimo. É uma forma de nos ajudar, principalmente, para o mercado de trabalho. Isso aumenta o nosso conhecimento”, disse a aluna.

Os cursos de informática são realizados todas as quintas-feiras, no horário da manhã. As disciplinas são ministradas pela instrutora e coordenadora do Laboratório de Inclusão Digital do CVT, Bernadete Seixas.

O CVT de Formiga está presente na Escola CAIC desde agosto de 2011. No ano passado, cerca de 60 alunos do 4º e 5º ano participaram das aulas de introdução à informática. Com o resultado positivo, a direção da escola resolveu estender a parceria e ofertar novos cursos para os alunos.

Resgate social

Os CVTs de Sete Lagoas, com o apoio da entidade gestora Centro Universitário de Sete Lagoas, iniciaram neste mês de abril o atendimento aos adolescentes do Centro Socioeducativo do município. O objetivo é apoiar os trabalhos desenvolvidos pelo centro e oferecer melhores condições de resgate social, em consonância com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

A unidade fornecerá aos adolescentes treinamentos básicos em informática, contribuindo assim para criação de melhores condições de estudo e emprego após o cumprimento das medidas socioeducativas impostas aos adolescentes judicialmente. A meta é capacitar 10 adolescentes em cinco cursos até o final de 2012.

A ação dá continuidade a um trabalho anterior, realizado como experiência, e que permitiu a inclusão digital de outros adolescentes do centro.  Dessa forma, o CVT procura não só uma maior integração com a sociedade, mas também cumprir sua responsabilidade de agente de capacitação, proporcionando melhores condições sociais à comunidade de Sete Lagoas e região.

Escalada

No dia 23 de março, a Universidade Federal de Lavras (Ufla) ganhou mais uma alternativa esportiva. Trata-se do Programa de Escalada Esportiva, que se inicia com a inauguração da parede de escalada de oito metros de altura construída no Centro de Convivência da Ufla. O projeto para a construção do muro vem sendo desenvolvido há um ano, em uma parceria do DCE/Ufla e a empresa A Via – Escola de Escalada, formalizada como Micro Empreendedor Individual – MEI pelo Núcleo de Apoio ao Empreendedor do CVT de Lavras.

O muro de escalada da universidade iguala-se aos tradicionais muros da Unicamp e USP, sendo as maiores construções do gênero em universidades, com a diferença de ser indoor e com diferentes níveis de dificuldade. A escalada esportiva pode ser praticada por pessoas de todas as idades, incluindo crianças, mediante treinamento e orientação. O programa de escalada esportiva conta com instrutores qualificados para o monitoramento, por meio de estudantes bolsistas e equipamentos de segurança certificados. O muro de escalada da Ufla ficará aberto de segunda a sexta-feira, das 10 às 20 horas, com atividades gratuitas para toda a comunidade.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/cvts-de-formiga-sete-lagoas-e-lavras-investem-em-acoes-sociais-para-a-comunidade/

Gestão Antonio Anastasia: qualidade dos cafés de Minas Gerais será avaliada em concurso

Objetivo é estimular adoção de práticas para obter produtos mais competitivos

Divulgação/Seapa MG
O encerramento do concurso, com o anúncio dos vencedores, ocorrerá na última quinzena de novembro
O encerramento do concurso, com o anúncio dos vencedores, ocorrerá na última quinzena de novembro

O secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Elmiro Nascimento, vai anunciar, nesta quinta-feira (29), às 16h, em Belo Horizonte, a realização do 9º Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais. A reunião contará com a participação de representantes das instituições vinculadas à secretaria, entidades que congregam os produtores, universidades e órgãos de pesquisa parceiros na realização do concurso.

A competição é aberta aos produtores das quatro regiões cafeeiras do Estado: Cerrado, Chapadas de Minas, Matas de Minas e Sul de Minas. O objetivo principal é oferecer estímulo aos cafeicultores estaduais, em sua maioria agricultores familiares, para buscarem a melhoria da qualidade, que possibilita o aumento da competitividade do produto no mercado interno e externo, e a consequente elevação da renda nas propriedades.

De acordo com o coordenador do concurso, Marcos Fabri Junior, os interessados em submeter cafés à avaliação deverão entregar, a partir de 6 de setembro, nas unidades da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), suas amostras exclusivamente de café Arábica, produzido no ano safra de 2012. “As etapas de classificação e degustação serão de 10 de setembro a 11 de novembro. Já o encerramento, com o anúncio dos vencedores, ocorrerá na última quinzena de novembro”, informa. Os cafés com as melhores classificações serão leiloados depois da solenidade de encerramento. No ano passado, o lance mais alto obtido no leilão foi de R$ 5 mil por uma saca de 60 quilos.

Bons resultados

De acordo com Fabri Junior, o Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas, na edição de 2011, contou com 1.637 amostras. Cento e seis foram classificadas para o final da competição, sendo 48 na categoria natural e 58 na categoria descascado. O café de categoria natural da propriedade de Antônio Melo Canato (Carmo de Minas) ficou classificado em primeiro lugar no grupo do Sul de Minas e foi considerado também o melhor do Estado.

Todos os produtores que participaram do concurso receberam um laudo de seus respectivos cafés com o resultado da análise sensorial, com notas de zero a 100, dentro das normas da Associação Brasileira de Cafés Especiais. Os cafeicultores que inscreverem seus lotes na competição deste ano também receberão o laudo, informa o coordenador.

Parceiros

O 9º Concurso Estadual de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais é realizado pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) – por meio da Emater-MG – em conjunto com a Universidade Federal de Lavras (Ufla). A iniciativa tem a parceria de diversas instituições, como o Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), a Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), a Organização das Cooperativas de Minas Gerais (Ocemg), a Federação de Agricultura (Faemg), a Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetaemg), o Centro de Excelência do Café, Polo de Excelência do Café, e o Instituto Federal de Ensino e Tecnologia de Machado.

Reunião de apresentação do 9º Concurso de Qualidade dos Cafés de Minas Gerais

Data: 29 de março

Horário:16h

Local: Cidade Administrativa – Edifício Gerais – 10º andar – sala 6 – Rodovia Prefeito Américo Gianetti s/n – bairro Serra Verde – Belo Horizonte

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/qualidade-dos-cafes-de-minas-gerais-sera-avaliada-em-concurso/

Gestão Anastasia: governo de Minas divulga lista dos selecionados para o Programa Oficina de Esporte

Iniciativa apoia e fomenta desenvolvimento de equipes e atletas de rendimento de base

Renato Cobucci/Imprensa MG
O programa é uma oportunidade para promoção e formação de novos talentos
O programa é uma oportunidade para promoção e formação de novos talentos

A Secretaria de Estado de Esportes e da Juventude (Seej) divulgou, nesta sexta-feira (16), no Diário Oficial do Estado, a lista de municípios e entidades selecionados para executarem o Programa Minas Olímpica Oficina de Esportes.

O Programa Oficina de Esportes é desenvolvido pela Seej e tem como objetivo apoiar e fomentar o desenvolvimento de equipes e atletas de rendimento de base, das diversas modalidades esportivas em todo o Estado de Minas Gerais. O programa é uma oportunidade para promoção e formação de novos talentos. Atualmente, são 31 núcleos, distribuídos em 25 municípios, beneficiando cerca de 1.300 atletas. As modalidades contempladas pelo programa são atletismo, basquetebol, futsal, ginástica artística, handebol, levantamento de peso, natação, judô, taekwondo e voleibol.

Os municípios e entidades beneficiados são: Fundação Cultural de Araxá (UNIAraxá); Associação Buritis de Esporte e Cultura (ABESC), Clã Delfos, Olympico Club, Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa (FUNDEP/UFMG), Associação de Amigos do Instituto São Rafael (AAISR), Associação dos Deficientes Visuais de Belo Horizonte (ADEVIBEL), Mackenzie Esporte Clube , Tênis para todos, todos de Belo Horizonte;Judô Águia Branca, da cidade de Betim; Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Ipatinga (APAE); Fundação de Desenvolvimento Científico e Cultural (FUNDECC), de Lavras; Associação dos Paraplégicos de Uberlândia (APARU), Clube Desportivo para Deficientes de Uberlândia (CDDU); Associação dos Deficientes Físicos de Uberaba (ADEFU); Educação Física, Consultoria, Assessoria e Prestação de Serviço (EFICAP), de Viçosa, e prefeituras de Itanhandu,  Lagoa da Prata, Poços de Caldas e Varginha.

Prefeitura/Entidade Categoria Modalidade
 1 EFICAP – Educação Física, Consultoria, Assessoria e Prestação de Serviço. Internacional Levantamento de Peso
 2 Associação Buritis de Esporte e Cultura – ABESC Internacional Handebol
 3 Clã Delfos Internacional Atletismo
 4 Fundação de Desenvolvimento Científico e Cultural – FUNDECC – Lavras Nacional Atletismo
 5 Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa – FUNDEP – UFMG Nacional G.A.
 6 Fundação Cultural de Araxá – UNIARAXÁ Nacional Atletismo PCD
 7 Associação de Amigos do Instituto São Rafael – AAISR Nacional Natação PCD
 8 ADEVIBEL – Associação dos Deficientes Visuais de Belo Horizonte Nacional Atletismo PCD
 9 Mackenzie Esporte Clube Nacional Natação
 10 Prefeitura de Lagoa da Prata Nacional Atletismo
 11 Fundação Cultural de Araxá – UNIARAXÁ Nacional Natação PCD
 12 ADEVIBEL – Associação dos Deficientes Visuais de Belo Horizonte Nacional Judô
 13 Associação dos Paraplégicos de Uberlândia – APARU Nacional Atletismo PCD
 14 Fundação de Desenvolvimento Científico e Cultural – FUNDECC – Lavras Nacional Taekwondo
 15 Clube Desportivo para Deficientes de Uberlândia – CDDU Nacional Natação PCD
 16 Clube Desportivo para Deficientes de Uberlândia – CDDU Nacional Halterofilismo PcCD
 17 Associação dos Deficientes Físicos de Uberaba ADEFU Nacional Atletismo PCD
 18 Tênis para todos Nacional Tênis em Cadeira de Rodas
 19 Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Ipatinga – APAE Ipatinga Nacional Ginastica Ritmica – Ginastica Artistica
 20 Prefeitura de Itanhandu Estadual Judô
 21 Judô Águia Branca Estadual Judô
 22 Prefeitura de Varginha Estadual Judô
 23 Prefeitura de Varginha Estadual Ginástica Artística
 24 Prefeitura de Varginha Estadual Natação
 25 Olympico Club Estadual Basquete Masc.
 26 Olympico Club Estadual Vôlei Fem.
 27 Fundação de Desenvolvimento da Pesquisa – FUNDEP – UFMG Estadual Taekwondo
 28 Prefeitura de Poços de Caldas Estadual Atletismo

Fonte: Agência Minas

Governo de Minas: Estado assina convênio para instalação de unidade do Sine em Divinópolis

Criação de novos postos de trabalho está entre as prioridades do Governo de Minas

Divulgação/Sete
Secretário Carlos Pimenta assina convênio com o prefeito de Divinópolis, Vladimir de Faria Azevedo
Secretário Carlos Pimenta assina convênio com o prefeito de Divinópolis, Vladimir de Faria Azevedo

O secretário de Estado de Trabalho e Emprego, Carlos Pimenta, se reuniu com o prefeito de Divinópolis, Vladimir de Faria Azevedo, para a assinatura de um convênio para instalação de uma nova unidade do Sistema Nacional de Emprego (Sine) na cidade. No encontro, foi acordado que o município receberá, também, uma Diretoria Regional da secretaria.

A abertura da unidade do Sine e a instalação de uma Diretoria Regional da Secretaria de Estado de Trabalho e Emprego (Sete), em Divinópolis, trarão importantes benefícios para os trabalhadores da região Centro-Oeste de Minas, a exemplo do que já ocorre, hoje, em outras regiões do Estado.

Durante solenidade de assinatura, o secretário Carlos Pimenta parabenizou o prefeito pelo trabalho realizado no município e lembrou que a unidade do Sine, instalada na Unidade de Atendimento Integrado (UAI) de Divinópolis, inseriu no mercado de trabalho cerca de 2.300 trabalhadores, apenas em 2011.

“A orientação do governador Antonio Anastasia é de que nós temos que fazer o possível para levar desenvolvimento e empregabilidade aos municípios e, em Divinópolis não vai ser diferente. Esse convênio para instalarmos uma nova unidade do Sine e a Diretoria Regional da Sete em Divinópolis vai abrir várias portas, como, por exemplo, no âmbito da qualificação profissional”, garante o secretário.

Participaram da assinatura, além do secretário Carlos Pimenta e do prefeito Vladmir Azevedo, o superintendente de Regionalização da Sete, Agostinho Magalhães; a superintendente de Política de Geração de Emprego, Lígia Lara; e o assessor Jurídico chefe, Rodolfo Compart.

Foco no emprego

As unidades de atendimento ao trabalhador do Sine prestam serviços totalmente gratuitos de intermediação de mão-de-obra (cadastro de empresas para oferta de vagas e cadastro e encaminhamento de trabalhadores para oportunidades de trabalho); habilitação e postagem do seguro-desemprego; cadastro e encaminhamento do trabalhador para programas de qualificação profissional e curso de competências básicas para o trabalho; além de emissão de Carteiras de Trabalho e Previdência Social.

Já as diretorias regionais da Sete têm por finalidade representar a secretaria em sua área de abrangência, prestar apoio técnico, acompanhar e supervisionar a execução das ações relativas às funções de trabalho, emprego e renda desenvolvidas pela secretaria, pelo Poder Executivo municipal e demais parceiros. Além da diretoria regional em Divinópolis, a Sete vai contar com outras nove diretorias regionais em Belo Horizonte, Ibirité, Ipatinga, Juiz de Fora, Lavras, Montes Claros, Salinas, Teófilo Otoni e Uberlândia.

Fonte: Agência Minas

Governo de Minas: expositores ampliam participação na Expocafé 2012

As atividades da Expocafé terão início no dia 19 de junho, com a realização do 3º Simpósio da Mecanização da Lavoura Cafeeira

Samantha Mapa/Epamig
Expositores demonstram em campo o funcionamento de máquinas e implementos agrícolas
Expositores demonstram em campo o funcionamento de máquinas e implementos agrícolas

Cento e dezoito empresas já confirmaram participação na Expocafé 2012. A exposição, promovida pela Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (Epamig), será realizada entre os dias 19 e 22 de junho, na Fazenda Experimental de Três Pontas, no Sul de Minas.

Neste ano, a Expocafé contará com uma área de exposição de 12,3 mil m² e 193 estandes; em 2011, a área ocupada foi de 10 mil m². “Já iniciamos os estudos de viabilidade para garantirmos a ampliação da feira em 2013”, afirma o coordenador do evento e chefe do Departamento de Eventos Tecnológicos da Epamig, Mairon Mesquista.

A maior parte das empresas que vão participar desta 15ª edição da Expocafé tem sede na região Sudeste do país, sendo 60 do estado de São Paulo e 42 de Minas Gerais. Também estão garantidos na feira expositores dos estados do Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Bahia e Distrito Federal.

“A tendência nesta edição está sendo a ampliação dos estandes. Temos casos de empresas que irão ampliar em quatro vezes a área de exposição em relação ao anopassado”, informa Antônio Augusto Braighi, integrante da Comissão de Organização e Comercialização.

As atividades da Expocafé terão início nodia 19 de junhocom a realização do 3º Simpósio da Mecanização da Lavoura Cafeeira. O Simpósio é exclusivo para participantes previamente inscritos. A partir dodia 20, a feira será aberta ao público, com a realização da exposição de equipamentos, máquinas e insumos e de eventos paralelos, como as dinâmicas de campo, os cursos de capacitação para operadores de máquinas e oevento Café com Saúde, promovido pela Epamig em parceria com a UniversidadeFederal de Lavras.

Dinâmicas de Máquinas

A Epamig iniciou as inscrições das empresas interessadas em participar das Dinâmicas de Máquinas durante a Expocafé 2012. É uma ótima oportunidade para os expositores demonstrarem em campo o funcionamentode máquinas e implementos agrícolas a cafeicultores e operadores.

O regulamento das Dinâmicas está disponível no site da Expocafé e as inscrições de expositores podem ser feitas até o dia 30 de maio pelos telefones: (31) 3489-5001 e 3489-5078 ou pelo e-mail expocafe@epamig.br. O número de empresas participantes é limitado (30 vagas), sendo que cada expositor pode utilizar no máximo três máquinas.

Fonte: Agência Minas

Governo de Minas: entidades do trade manifestam apoio ao turismo nas cidades afetadas pelas chuvas

BELO HORIZONTE (19/01/12) – Entidades que compõem o trade do turismo no Estado expressaram, por meio de manifesto de seus dirigentes, apoio ao Governo de Minas quanto à iniciativa de incentivar a retomada do fluxo turístico nos municípios mineiros afetados pelas chuvas. Segundo o documento, é importante que se retome a normalidade do fluxo de visitantes nesses destinos, que estão prontos para receber os turistas com atrativos e acessos sem restrições.

“Essas cidades estão limpas, com suas vias de acesso abertas, com seus hotéis e pousadas funcionando normalmente. Toda a parte histórica está preservada e de braços abertos para receber os turistas tanto ainda no mês de janeiro como em fevereiro, especialmente no Carnaval, tão tradicional nas cidades históricas. É mais uma lembrança, um apelo que nós fazemos, porque a normalidade deve ser restaurada inclusive no turismo”, destaca o governador Antonio Anastasia.

O presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Minas Gerais (Abrasel-MG), Fernando Júnior, afirma que “a Abrasel, na condição de representante do segmento de alimentação fora do lar, apóia essa importante iniciativa do Governo de Minas. Os bares, restaurantes e similares representam o maior contingente de micro e pequenas empresas do setor de turismo de um município. Caso o fluxo turístico fosse afetado, acarretaria em incomensuráveis prejuízos para esse segmento”.

Segundo o presidente da Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo de Minas Gerais (Abrajet-MG), João Carlos Amaral, o Governo de Minas tem agido de maneira eficiente para a retomada da rotina nos municípios. “A Abrajet está de acordo com as ações adotadas pelo governo do Estado. A entidade é um ponto de apoio para a divulgação dessa situação de normalidade dos acessos e atrativos das cidades turísticas que foram afetadas pelas chuvas não só para Minas, mas também para todo o país”, ressalta.

A presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Minas Gerais, Rafaela Fagundes, relata que “a ABIH fica satisfeita em ver o trabalho em conjunto do Estado com as prefeituras dos municípios afetados para agilizar a solução dos problemas ocorridos, facilitando a normalidade na vida dos mineiros. Mais uma vez, o governo nos demonstra que percebe a importância do turismo para o Estado”.

Para o secretário de Estado de Turismo, Agostinho Patrus Filho, o apoio de todo o trade é mais um importante passo para o restabelecimento da atividade turística nesses locais. “Essa resposta se soma aos esforços do governo do Estado. Certamente trará resultados positivos, uma vez que os grandes atores do setor são, de fato, aqueles que fazem o turismo, como essas entidades”.

Das 179 cidades mineiras que decretaram situação de emergência até o momento, 21 têm no turismo, em suas diversas modalidades, uma de suas principais atividades. São elas: Barbacena, Brumadinho, Congonhas, Capitólio, Coronel Xavier Chaves, Divinópolis, Formiga, Governador Valadares, Itabirito, Lavras, Lima Duarte, Mariana, Moeda, Montes Claros, Muriaé, Nova Lima, Ouro Preto, Pirapora, Prados, Santos Dumont e São João del-Rei.

Manifesto 

Assinaram o manifesto a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Minas Gerais (Abrasel-MG); Associação Brasileira de Empresas de Eventos de Minas Gerais (Abeoc-MG); Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Minas Gerais (ABIH-MG); Associação Brasileira das Agências de Viagem de Minas Gerais (Abav-MG); Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo de Minas Gerais (Abrajet-MG); Associação Brasileira de Locadoras de Automóveis (ABLA); Associação Comercial e Empresarial de Minas (ACMinas); Associação Mineira de Bares, Restaurantes, Hotéis e Lanchonetes (Amibar); Associação Mineira de Municípios (AMM); Associação Mineira de Empresas de Turismo (Ametur); Associação de Guias de Turismo do Brasil – Seção Minas Gerais (AGTURB-MG); Belo Horizonte Convention & Visitors Bureau; Câmara de Dirigente Logistas (CDL); Confederação Nacional do Turismo (CNTur); Federação de Convention & Visitors Bureaux do Estado de MG; Federação de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares do Estado de Minas Gerais (Fhoremg); Federação dos Circuitos Turísticos do Estado de Minas Gerais (Fecitur); Instituto Estrada Real/Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg); Instituto Brasileiro de Turismólogos (UBT); Sindicato das Empresas de Turismo de Minas Gerais (Sindetur); Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Belo Horizonte (Sindhorb); Sindicato de Promoção, Organização e Montagem de Feiras, Congressos e Eventos de Minas Gerais  (Sindiprom-MG); Sistema Fecomércio Minas; Sesc; Senac; sindicatos e Skal – Associação Internacional dos Profissionais do Tturismo.

Monitoramento

O Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Turismo (Setur), realiza, desde a semana passada, monitoramento das cidades turísticas mineiras que decretaram situação de emergência. Um levantamento feito pela Setur, publicado no Portal do Turismo Mineiro, traz informações atualizadas sobre o estado dos atrativos turísticos e dos acessos a esses municípios.

As ações de promoção e de divulgação do governo do Estado vão priorizar essas cidades para a recuperação da normalidade referente às atividades turísticas.

Fonte: Agência Minas

Gestão Anastasia: depósito avançado do Governo de Minas é inaugurado na cidade de Pouso Alegre

 

POUSO ALEGRE (10/01/12) – Foi inaugurado nesta terça-feira (10), em Pouso Alegre, no Sul de Minas, mais um depósito avançado do Governo de Minas, montado pela Coordenadoria Estadual da Defesa Civil (Cedec/MG) em conjunto com o Serviço Voluntário de Assistência Social (Servas). O depósito, construído no 20º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais, recebe e armazena material de ajuda humanitária e donativos adquiridos pela Cedec, distribuídos aos municípios que, eventualmente, são prejudicados com as fortes chuvas.

O secretário-executivo Estadual da Defesa Civil, coronel Eduardo César Reis, que representou o chefe da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais, coronel Luis Carlos Martins, explicou que, por meio dos depósitos avançados, é possível fazer com que os materiais de ajuda humanitária cheguem com mais rapidez às populações afetadas.

“A Cedec de Minas atua de forma descentralizada através de regionais de Defesa Civil que coincidem com as regiões da Polícia Militar. Temos 13 depósitos avançados que funcionam em instalações da Polícia Militar, para atender prontamente às demandas, além de ficarem mais próximos das comunidades afetadas. O município afetado faz a solicitação de ajuda humanitária pelo meio mais rápido possível, telefone, fax ou e-mail e, a partir daí, emitimos a autorização de retirada do material desses depósitos”, disse coronel Eduardo.

No depósito avançado da Cedec em Pouso Alegre, o primeiro do Estado construído com estrutura de PVC, já estão armazenados 400 cestas básicas, 400 colchões, 500 cobertores, 50 caixas com 70 copos d´água de 200 ml em cada uma e três bobinas de lona, de 400 m² cada. Este depósito já funcionava no município de forma provisória. O material estava armazenado em salas do 20º Batalhão da PM. O novo depósito tem 100 m² e 6 m de altura.

Com esse, são 13 os depósitos implantados, desde 2003, pelo Governo de Minas. Eles estão estrategicamente distribuídos por todas as regiões do Estado – Belo Horizonte, Barbacena, Diamantina, Governador Valadares, Lavras, Manhuaçu, Montes Claros, Passos, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Ubá, Uberaba e Uberlândia. Os de Montes Claros e Ubá já se encontram em fase de conclusão.

O prefeito de Pouso Alegre, Agnaldo Perugini (PT), agradeceu o apoio do Governo de Minas às cidades afetadas pelas chuvas e ressaltou a importância do trabalho da Defesa Civil no socorro às vítimas de enchentes. “Nosso agradecimento ao governador do Estado, Antonio Anastasia, ao vice-governador pelo empenho que eles têm tido em socorrer as nossas cidades quando os acionamos devido às tragédias. Quem está na administração sabe muito bem como a Defesa Civil tem lutado, a mando dos seus dirigentes, quer seja do prefeito, do governador, da presidenta da República, para socorrer as vitimas de enchentes. Então, tenham os senhores do Governo do Estado toda nossa solidariedade e o nosso compromisso neste trabalho”, destacou Agnaldo.

Distribuição

Desde outubro de 2011, já foram distribuídos quase 100 toneladas de alimentos, mais de quatro mil colchões, mais de dois mil cobertores, mais de nove mil telhas, além de kits de produtos de higiene pessoal, kits de limpeza, rolos de lonas e sacos com roupas. Já foram deslocadas para o abastecimento desses depósitos avançados mais de 20 equipes de transporte de ajuda humanitária. A construção dos depósitos avançados faz parte das ações de preparação da Defesa Civil Estadual para o período de chuvas.

O coronel Eduardo, também recebeu, em nome do chefe da Cedec-MG, coronel Luis Carlos Martins, homenagem da 17ª Região da Polícia Militar de Minas Gerais pelos serviços desempenhados pela Defesa Civil em todo o Estado.

Também participaram da solenidade de inauguração do posto avançado de Pouso Alegre o comandante da 17ª Região da PMMG, coronel Robson Alves Campos; comandante da 18ª Região da PMMG, coronel Edílson Ivair Costa; comandante do 20º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Sérgio Soares; diretor-executivo da Associação Mineira de Municípios (AMM) e prefeito de Ipuiuna, Elder Cássio de Souza; além de inúmeros prefeitos e lideranças políticas da região.

Fonte: Agência Minas