• Agenda

    agosto 2014
    S T Q Q S S D
    « jul   set »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Aécio tem proposta para retomada do crescimento sustentável

Aécio disse que pessoalmente é otimista com relação à potencialidade do País e em resgatar a capacidade de crescimento da economia.

Eleições 2014

Fonte: Estado de Minas 

País poderá retomar crescimento sustentável, diz Aécio

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, rebateu neste domingo, 3, a estratégia que vem sendo utilizada pela presidente e candidata à reeleição Dilma Rousseff (PT), sua adversária nesta corrida presidencial, de taxar a oposição de pessimista. Após caminhada no centro de São José dos Campos, Aécio disse que pessoalmente é otimista com relação à potencialidade do País e em resgatar a capacidade de crescimento da economia e do desenvolvimento da sociedade brasileira. “Contudo, a incapacidade do atual governo para sinalizar um cenário melhor para o futuro é a razão do pessimismo não apenas da oposição, mas dos empresários e de vários setores da economia, basta olhar os índices da FGV.”

Segundo o tucano, o discurso da oposição não pode ser classificado de pessimista, simplesmente porque reflete, no seu entender, a realidade que o País vive atualmente. “O governo petista fracassou na gestão do Estado, o Brasil é hoje um cemitério de obras paradas e eles (PT) fracassaram não apenas na economia, mas na educação, saúde e outras áreas essenciais. Vivemos um quadro de estagflação e crescimento econômico pífio. Além disso, falta decência, eficiência e ousadia aos inquilinos que estão hoje no poder (governo petista)”, argumentou.

Para o candidato do PSDB, “o atual governo, pela incapacidade gerencial, pela incompreensão da verdade do mundo, pelo aparelhamento absurdo da máquina pública, permitiu que o Brasil viva hoje um cenário preocupante, que se reflete nos investimentos“. E destacou que todos aguardam o que vai acontecer nas eleições para saber o que irão fazer. E previu que sua eventual vitória nas urnas vai criar um ambiente adequado, com regras claras, marcos regulatórios compreensíveis e simplificação do sistema tributário para que o País possa, a partir de 2015, retomar um ciclo de crescimento sustentável por um longo período. “Cada vez mais eu me convenço de que isso é possível”, frisou.

Aécio visitou neste domingo o Mercado Municipal da cidade, situada no Vale do Paraíba, ao lado de correligionários tucanos, como o governador do Estado e candidato à reeleição, Geraldo Alckmin, o candidato ao Senado José Serra e o suplente José Aníbal, o vice em sua chapa, senador Aloysio Nunes Ferreira, o ex-governador Alberto Goldman, e líderes locais, como o ex-prefeito e deputado federal Emanuel Ferreira.

No mercadão, o presidenciável tucano comeu pastel e um pão de queijo. Indagado sobre a qualidade da iguaria mineira, disse que estava muito bom, “no padrão mineiro.” Cerca de 100 pessoas participaram da visita, que durou cerca de meia hora. Após essa agenda, as lideranças tucanas foram para o diretório da sigla na cidade, onde concederam entrevistas e fizeram breves discursos aos militantes.

Eleições 2014: PT não tem limites para ficar no poder, diz Aécio

Aécio Neves disse que fará a campanha da “decência e da eficiência”. Aécio afirmou que não fará “ataques covardes” contra adversários.

Eleições 2014

Fonte: O Globo 

No RS, Aécio diz que PT ‘não tem limites nas armas que usam para se manter no poder’

Tucano afirmou que não fará ‘ataques covardes’ contra seus adversários

Em comício da candidata do PP ao governo do Rio Grande do Sul, Ana Amélia Lemos, o senador Aécio Neves disse que fará a campanha da “decência e da eficiência“. Aécio afirmou que não fará “ataques covardes” contra seus adversários, mas prometeu “falar a verdade sobre eles” a cada ataque que receber.

– Nossos adversários não têm limites nas armas que usam para se manter no poder. Mas a cada ataque e mentira que lançarem contra nós, vamos falar a verdade sobre eles – discursou.

O comício foi realizado no ginásio Gugantinho, que tem capacidade para 12 mil pessoas. O local não estava lotado e havia vários clarões nas arquibancadas. Os organizadores estimaram o público em 8 mil pessoas.

Aécio e Ana Amélia participaram da parte final de yma caminhada entre o Anfiteatro Por do.Sol e o ginásio. O presidenciável tucano fez o trajeto final num caminhão de som.

Antes de sua fala, Aécio e Ana Amélia dançaram o forró que é a música tema da campanha tucana.

Aécio se emocionou quando Ana Amélia se referiu ao filho mais novo do senador, Bernardo, que nasceu prematuro no dia 8 de junho e ainda está em uma incubadora.

– Quero que recebas como presente do Dia dos Pais a volta do Bernardo para casa. Deus vai te dar esse presente – disse.

Aécio: está dada a largada para campanha da decência

“Farei minha campanha olhando no olho das pessoas. Dilma não pode mais caminhar no meio do povo porque os não há confiança”, disse Aécio.

Eleições 2014

Fonte:  Estado de Minas 

Aécio chama eleitor gaúcho para “campanha da decência”

O candidato à Presidência da República pelo PSDBAécio Neves, participou de um comício, na tarde deste sábado, 02, em Porto Alegre. Reunidos no ginásio Gigantinho, aproximadamente 5 mil cabos eleitorais receberam o mineiro, que em um discurso breve conclamou os eleitores a elegerem a candidata da coligação ao governo do RSAna Amélia Lemos, do PP. “Está dada a largada para a campanha da decência, da dignidade, da verdadeira mudança”, afirmou. “Farei minha campanha olhando no olho das pessoas. Mas nossa adversária não pode mais caminhar no meio do povo, porque não tem mais a confiança dos brasileiros”, disse Aécio, citando Dilma Rousseff.

Frisando a proximidade com o público, a campanha de Aécio fez com que ele subisse no palanque passando pelo meio dos presentes, o que causou muito alvoroço. Durante o discurso de Ana Amélia, Aécio se emocionou quando a candidata ao governo do Estado lembrou seu filho mais novo, que nasceu dia 8 de junho. “Eu queria que no dia dos pais você recebesse um presente. Que o Bernardo saia da incubadora e volte para casa.” Prematuro, o menino continua internado. Sua irmã gêmea, Júlia, já recebeu alta.

Mais cedo, Aécio participou de uma coletiva de imprensa na qual comentou denúncias da revista Veja, publicadas neste final de semana, sobre uma suposta fraude na CPI da Petrobras. Segundo ele, as lideranças do PSDB se reúnem neste fim de semana para “desenhar” quais medidas serão tomadas a respeito. Entretanto, garantiu que entrarão com representação nas comissões de ética do Senado e da Presidência, nesta segunda-feira, 04, para apurar as supostas irregularidades.

“Se comprovadas as denúncias publicadas, mostra-se que houve uma farsa. Servidores da Petrobras, servidores públicos, enganando a sociedade brasileira, mandando perguntas que previamente já tinham suas respostas definidas, fazendo uma grande encenação”, afirmou.

Um vídeo a que a Revista Veja teve acesso revela que pode ter sido uma farsa a criação da CPI da Petrobras. Segundo a denúncia, a CPI foi criada com o objetivo de não pegar os corruptos. Ainda assim, o governo e a liderança do PT teriam decidido não correr riscos e montado uma fraude que consistia em passar antes aos investigados as perguntas que lhes seriam feitas pelos senadores. Com vinte minutos de duração, segundo a revista, o vídeo mostra uma reunião entre o chefe do escritório da Petrobras em Brasília, José Eduardo Sobral Barrocas, o advogado da empresa Bruno Ferreira e um terceiro personagem ainda desconhecido.

“Estou um pouco cauteloso, vi matéria no avião hoje cedo. Me surpreendi com a densidade daquilo e com o envolvimento de senadores”, disse Aécio, referindo-se ao suposto envolvimento de Vanessa Graziottin (PCdoB)José Eduardo Dutra (PT) e Delcídio Amaral (PT).

Perguntado sobre o pedido de abertura de inquérito criminal por parte da campanha de Dilma para investigá-lo por supostos “atentados à segurança aérea” pelo uso dos aeroportos de Cláudio e Montezuma, em Minas Gerais, ele disse que a denúncia deve ser desconsiderada. “Todas as denúncias ou ações que o PT quiser impetrar serão respondidas por nós (PSDB) judicialmente. Essa não merece nem consideração de tão ridícula que é”, avaliou.

Aécio Neves: Ibope confirma liderança em Minas

Resultados apresentados pelo Ibope confirmam levantamento do Instituto Veritá, que também apontou vantagem de Aécio Neves em Minas.

Eleições 2014

Fonte: Jogo do Poder

Ibope Regional confirma liderança de Aécio em Minas

Pesquisa regional do Ibope divulgada ontem (31/07) confirma a liderança do candidato da Coligação “Muda Brasil” à Presidência da República, Aécio Neves na preferência do eleitorado de Minas Gerais.

De acordo com os dados, Aécio atingiu 41% das intenções de voto, seguido pela candidata à reeleição, Dilma Rousseff, com 31% e pelo ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos (5%). Os eleitores com intenção de votar em branco ou nulo somara 10% e os que não souberam ou não responderam, também com 10%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 26 e 28 de julho e entrevistou 1.512 eleitores. A margem de erro estimada é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

Os resultados apresentados pelo Ibope confirmam levantamento do Instituto Veritá divulgado na última quarta-feira (30/07), que também apontou vantagem de Aécio em Minas. Aécio teria 41,3% dos votos dos mineiros, contra 32,5% de Dilma Rousseff (PT) e 5% de Eduardo Campos (PSB). Votos brancos e nulos ainda somam 13,6%.

De acordo com o Instituto Veritá, considerando apenas os votos válidos, Aécio Neves chegaria a 51%, Dilma com 40,1% e Eduardo Campos, com 6,1%. Em um eventual segundo turno, Aécio venceria em Minas com uma vantagem de mais de 10 pontos percentuais, com 45,4% dos votos contra 34,7% da candidata do PT.

Siga a campanha de Aécio Neves na WEB
www.aecioneves.com.br
www.aecioporminaspelobrasil.com.br
www.facebook.com/AecioNevesOficial