• Agenda

    setembro 2013
    S T Q Q S S D
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    30  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

Aécio Neves posta sobre espionagem no Brasil

O Facebook do presidente do PSDB, Aécio Neves, está sempre atualizado, em suas últimas postagens o senador mineiro compartilha nota sobre espionagem no Brasil.  Aécio falou, nesta terça-feira (3/09), em entrevista, sobre as denúncias feitas pela imprensa da ocorrência de espionagem pelo governo dos Estados Unidos no Brasil. Para Aécio, esta é uma questão que trata da soberania nacional, unindo governo e oposição.

“Em todo momento que houver qualquer risco à soberania nacional, a repulsa deve ser de todos. É preciso que o governo esteja mais atento a esses riscos, o que demonstrou também uma enorme fragilidade também no nosso sistema de defesa. Nesse momento, se confirmadas essas violações, tanto oposição quanto governo devem se unir na busca de respostas e explicações minimamente consequentes e razoáveis por parte do governo americano”.

A Comissão de Ciência e Tecnologia vai promover audiência pública para discutir a atuação dos ministérios da Justiça e das Relações Exteriores sobre as denúncias de espionagem dos Estados Unidos nas comunicações da presidente Dilma Rousseff. O requerimento que pede a reunião foi apresentado pelos deputados Paulo Abi-Ackel (MG) e Antonio Imbassahy (BA). Os tucanos sugerem a presença dos ministros da Justiça, José Eduardo Cardozo, e de Relações Exteriores, Luiz Alberto Figueiredo Machado.

“O vazamento das supostas escutas e espionagens que começou como “apenas” uma questão de segurança nacional interna aos Estados Unidos, logo evoluiu para uma questão embaraçosa junto aos seus aliados europeus e agora novas revelações indicam que além de cidadãos brasileiros também a própria presidente Dilma teve sua comunicações monitoradas”, explicam os deputados na justificativa do pedido.

De acordo com matéria publicada pelo “Estado de Minas”, o Brasil seria o país mais monitorado da América Latina e as escutas se dariam com a ajuda de empresas de telecomunicações que operam no país em cooperação com companhias privadas americanas. A nota foi compartilhada no Facebook de Aécio Neves, logo após de sair na imprensa.