• Agenda

    abril 2012
    S T Q Q S S D
     1
    2345678
    9101112131415
    16171819202122
    23242526272829
    30  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

Governo de Minas: Iepha lista cuidados com o patrimônio para a Semana Santa

Nessa época do ano é aconselhável que comunidades e paróquias estejam ainda mais atentas

Bens e acervos históricos e artísticos demandam muitos cuidados e atenção especial para sua preservação. Em ocasiões de festividades e celebrações, religiosas ou não, em que grandes multidões se concentram – por vezes de forma pouco ordenada –, é aconselhável que comunidades e paróquias estejam ainda mais atentas.

“A Semana Santa é um período em que precisamos nos manter em alerta, uma vez que a mobilização é, majoritariamente, em torno das Igrejas, com o uso e exposição mais constante de peças sacras, parte importante do acervo do patrimônio cultural mineiro”, explica o diretor de Conservação e Restauração do Iepha/MG, Renato César José de Souza. Segundo ele, a preocupação especial se justifica porque neste período as Igrejas estão mais abertas e recebem um grande fluxo de visitantes locais e turistas. Imagens e alfaias que muitas vezes passam o ano guardadas em museus ou em salas seguras, por exemplo, são utilizadas em cerimônias e levadas ao acesso público. “Além disso, a Semana Santa é também momento de procissões e missas especiais, em que peças sacras são tocadas, transportadas e estão muito mais expostas às condições climáticas, ventos, chuvas, fontes de calor, velas e ao próprio manuseio”.

Por conta destas preocupações e para orientar a segurança do nosso patrimônio cultural, o Iepha/MG se inspirou no manual do bem sucedido projeto português Igreja Segura e listou alguns cuidados básicos que devem ser observados durante todo o ano e, em especial, neste feriado que vem por aí.

Manipulação das peças – Se remover uma peça, faça com o máximo cuidado. Nunca arraste nem pegue ou puxe por saliências mais frágeis. Antes de pegá-la, certifique-se de que o caminho a percorrer está desobstruído e livre, sem obstáculos que possam causar colisões ou quedas. Peça ajuda a terceiros sempre que necessário ou quando não tenha a certeza absoluta de que pode transportar a peça com toda a segurança.

Controle de acesso – Deve haver sempre um responsável pelas chaves da igreja, que deverá manter atualizado, e em local seguro, um registro de todas as chaves existentes e a quem estão entregues.

Controle de segurança – Em uma igreja aberta, é necessário haver sempre uma ou duas pessoas incumbidas da vigilância atenta. Enquanto aberta, o acesso à igreja deve ser limitado por uma única porta, facilitando o controle e limitando as oportunidades de acesso ou saída. Ao encerramento, deve-se verificar o correto trancamento de todas as portas e janelas e, ainda, inspecionar os recintos em busca de pessoas mal intencionadas escondidas.

Foto e filmagem – Não se deve permitir fotografias ou filmagens no interior da igreja, para evitar o registro de detalhes que possam facilitar furto futuro.

Incêndio – Não aproximar fontes de calor, como velas ou projetores de iluminação, das peças sacras. Não deixar velas acesas com a igreja fechada ou sem vigilância adequada. Manter instalações elétricas em bom estado.

Fonte: http://www.agenciaminas.mg.gov.br/noticias/iepha-lista-cuidados-com-o-patrimonio-para-a-semana-santa/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: