• Agenda

    outubro 2010
    S T Q Q S S D
    « set   nov »
     123
    45678910
    11121314151617
    18192021222324
    25262728293031
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Governador Antonio Anastasia entrega Medalha Santos Dumont

O governadorAntonio Anastasia presidiu, terça-feira (26), em Santos Dumont, na Zona da Mata, a cerimônia de entrega da Medalha Santos Dumont. A solenidade foi realizada na Fazenda Cabangu, onde nasceu o aviador. A comenda, concedida pelo Governo de Minas, é uma homenagem a pessoas e entidades que tenham contribuído para o desenvolvimento e o progresso no país.

Durante a solenidade, o governador destacou o exemplo de ousadia deixado pelo mineiro Santos Dumont, e que tem sido a marca de Minas Gerais.“Nos últimos anos, Minas Gerais tem sido marcado pela ousadia. Em termos de gestão pública, por exemplo, ficamos tão ousados que nos tornamos um modelo internacional, indicado pelo Banco Mundial como um paradigma a ser seguido por outros estados subnacionais. A ousadia apresentou resultados muito concretos. Acho que nós, mineiros, temos na expressão da ousadia, do empreendedorismo, da coragem, do denodo, sentimentos muito fortes à mineiridade. Então, Santos Dumont é um belo exemplo disso, e vamos continuar sempre nessa mesma trilha”, afirmou Anastasia, em entrevista.

O governador afirmou que poucos brasileiros inovaram e foram tão ousados em seus sonhos quanto Santos Dumont. Ele disse que Minas tem procurado seguir esse caminho para dar um salto de crescimento e alcançar um novo patamar de desenvolvimento.

“Precisamos, mais do que nunca, de buscar novos caminhos para antigos problemas, que perpassam diversos governos e diferentes gerações de brasileiros, relegando-nos à posição de promessa permanente, que se renova, mas nunca se realiza. Precisamos parar de contar décadas perdidas e fazermos, juntos, a grande travessia definitiva para um outro e novo patamar de desenvolvimento”, afirmou o governador em seu pronunciamento.

Novos caminhos

O governador destacou que a trajetória de Santos Dumont ensinou a mineiros e brasileiros que não existem metas instransponíveis e desafios insuperáveis. Ele afirmou ainda que é preciso ousar para dar mais qualidade e eficiência à gestão pública.

O vice-governador eleito e presidente da Assembleia Legislativa, Alberto Pinto Coelho, orador oficial da cerimônia, destacou que a realidade de milhares de aviões cruzando diariamente os céus do mundo e transportando milhões de passageiros a cada ano, encurtando distâncias e unindo os povos, começou por meio do sonho precursor de Santos Dumont.

“A partir deste mesmo sonho, irradiou-se pelo mundo a poderosa indústria da aviação com sua impressionante rede de infraestrutura de aeroportos em escala planetária, a geração de milhares de empregos diretos e indiretos e a cada vez mais importante indústria do Turismo, abrindo espaços econômicos estratégicos, como se dá com a internacionalização do nosso Aeroporto Tancredo Neves, em Confins. Tudo isso faz agigantar em nossos olhos o pensamento criador que animou a vida e a obra de Santos Dumont”, disse Alberto Pinto Coelho.

Referência

A Medalha Santos Dumont foi criada para comemorar o primeiro voo com uma aeronave mais pesada do que o ar, em 23 de outubro de 1906, pelo brasileiro Alberto Santos Dumont. Nos três graus – ouro, prata e bronze – foram agraciadas neste ano 176 personalidades, entre elas o reitor da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), Clélio Campolina, e os empresários Alfons Gardemann, da indústria Pado, líder de mercado no setor de cadeados e fechaduras, e Constantino Oliveira Júnior, presidente da Gol Transportes Aéreos.

Para Constantino, receber a medalha tem duplo significado: “É muito motivador para que a gente continue acreditando nos nossos sonhos e naquilo que a gente busca como referência pessoal e profissional. Uma medalha com o nome de Santos Dumont tem um significado duplo pra mim, que hoje atuo na área e faço do avião um pouco daquilo que foi o sonho de Santos Dumont, ou seja, um veículo para aproximar as pessoas”, afirmou.

Clique aqui para ver a relação dos agraciados com a Medalha Santos Dumont.

 

Governo Aécio-Anastasia recebem prêmio sobre práticas modernas de gestão, é a 1ª vez que setor público é premiado

Novas formas de gestão – que levam ao pé da letra o princípio da eficiência – estão fazendo com que o serviço público apresente resultados cada vez mais próximos das expectativas da sociedade. Com essa visão, o Governo de Minas, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Sectes) disputou o Prêmio Mineiro de Qualidade (PMQ) 2010 e conquistou a faixa prata. A solenidade de entrega da premiação será realizada dia 9 de novembro, no Teatro Sesiminas, em Belo Horizonte.

O secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Alberto Portugal, ressaltou o comprometimento de toda a equipe no trabalho pelo desenvolvimento de Minas Gerais e também para a conquista do prêmio. “É muito importante ter um órgão da administração direta recebendo, de forma inédita, esse reconhecimento pelas suas modernas práticas de gestão”, disse Portugal.

Segundo a administradora da equipe de apoio à Gestão Estratégica da Sectes, Christiane de Miranda Silva Correia, tudo começou com a decisão do secretário Alberto Portugal de inscrever a Sectes no prêmio. Em seguida, a equipe preparou a documentação exigida pelo Instituto de Qualidade Minas (IQM), que segue as diretrizes da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ). Após a habilitação, a Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior elaborou o Relatório de Gestão, entregue no dia 12 de julho ao IQM.

De julho a setembro, houve avaliação do relatório e nos dias 29 e 30, a Sectes recebeu a visita dos examinadores para conhecer os pontos fortes e as oportunidades de melhoria da instituição. Após análise detalhada, os juízes, profissionais reconhecidos da área de qualidade, se reuniram no dia 25 de outubro para anunciar o resultado. Correia explicou que oito critérios norteiam o prêmio: liderança, estratégias e planos, clientes, sociedade, informações e conhecimento, pessoas, processos e resultados. Os juízes avaliaram o sistema de gestão utilizando critérios internacionais.

Prêmio de qualidade

Os programas e prêmios estaduais e setoriais são alinhados ao Prêmio Nacional da Qualidade, cujos principais objetivos são: estimular o desenvolvimento cultural, político, científico, tecnológico, econômico e social; fornecer para as organizações um referencial para contínuo aperfeiçoamento; conceder reconhecimento público e notório a excelência da qualidade da gestão para organizações de classe mundial; e divulgar as práticas de gestão bem-sucedidas, com vistas ao benchmarking (processo contínuo de avaliação de produtos, serviços e processos de trabalho das organizações).

O PMQ contempla 13 instituições com faixas ouro, prata e bronze. Ao lado da Sectes na faixa prata estão: Companhia Ultragaz S.A, XPRO Sistemas e Cartório do 1º Ofício de Registro de Imóveis de Belo Horizonte.

O Instituto Qualidade Minas (IQM) foi instituído em 2002 por um grupo de empresas e entidades com a missão de oferecer o suporte operacional, administrativo e financeiro para viabilizar a realização das diretrizes e metas do PMQ.

O IQM é uma associação de direito privado sem fins lucrativos, certificada como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip) pela Secretaria Nacional de Justiça, em 12 de agosto de 2005, e pela Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), em 10 de julho de 2006.