• Agenda

    agosto 2009
    S T Q Q S S D
     12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31  
  • Categorias

  • Mais Acessados

    • Nenhum
  • Arquivo

  • Minas em Pauta no Twitter

    Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

Sistema Nacional de Emprego revela que nível de emprego se manteve estável no primeiro estável

O balanço das 108 unidades do Sistema Nacional de Emprego (Sine)de Minas Gerais mostra que o número de trabalhadores colocados no mercado de trabalho, nos primeiros sete meses deste ano, se manteve estável, quando comparado com o mesmo período de 2008. A redução, menor do que 1%, mostra a estabilidade dos dados. Foram 58.871 trabalhadores colocados de janeiro a julho de 2009, contra 59.306 no mesmo período de 2008.

Para o subsecretário de Trabalho, Emprego e Renda da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (Sedese), Fernando Sette, apesar da grande quantidade de postos de trabalho que o Estado perdeu no início do ano, em razão da crise econômica, os postos do Sine têm conseguido manter os mesmos números de colocados no mercado de trabalho de vagas captadas em 2009, considerando que 2008 foi um recorde de geração de emprego. “Conseguimos manter estáveis os números do período pré-crise e a previsão é que até o fim do ano, com a retomada da economia, os postos do Sine coloquem mais de 100 mil trabalhadores”.

O número de vagas captadas pelos postos apresentou ligeira elevação de quase 1%, mantendo-se no mesmo patamar. Até julho deste ano, 97.937 vagas foram disponibilizadas, ante 97.885 do ano passado. Já o número de inscritos e o de encaminhados apresentou elevação no acumulado do ano, na comparação com 2008. Ao todo, 333.904 pessoas se inscreveram de janeiro a julho de 2009, contra 278.353 em 2008: crescimento de 20%. Já com relação ao número de encaminhados, o incremento foi 25%, passando de 245.754 para 306.209.

Durante a divulgação dos dados, Fernando Sette falou sobre os setores que apresentaram retração e bons resultados. “Com o término da safra e a não retomada da indústria de transformações, houve redução no número de colocados em relação a julho de 2008. Mesmo assim, temos o setor de serviços e do comércio, que emprega muita gente e temos que investir neles”, ressaltou.

Dados de julho

O número de inscritos nos postos do Sine apresentou incremento de 8%, na comparação com julho de 2008. Ao todo, neste ano, 47.046 pessoas procuraram as unidades do Sine para se cadastrar, contra 43.412. Variação semelhante ao número de trabalhadores encaminhados: 44.551 em julho de 2008, para 48.097 nesse ano.

Já o número de vagas e o de colocados apresentou queda na comparação com julho do ano passado. Foram 8.185 colocações, ante 11.502. O número de vagas captadas no sétimo mês do ano também apresentou queda. Foram 13.710 em 2009, contra 18.896 em julho de 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: